Segundo analistas, em questão de dias, preço da soja deve subir

Analistas alertam agricultores sobre o momento certo de comercializar sua safra de soja

Publicado em: 27/07/2013 - 09:34 | Atualizado em: 27/07/2013 - 09:34

O agricultor está em alerta devido à queda no preço da soja nos últimos dias. Muito produtor segurou o produto na expectativa de melhores preços e agora teme que a queda do valor dos últimos dias siga vertiginosamente. Em Marechal Cândido Rondon, há cerca de dez dias, a saca de soja estava cotada em R$ 61, já ontem (26) o valor era R$ 56. Na região da Cooperativa Coamo, a maior da América Latina no movimento com grãos, o preço também já caiu para a média de R$ 5 em três dias. O assunto deu a tônica em evento promovido no início da noite de quinta-feira (25), em Toledo, pelo Canal Rural, com o apoio da Aprosoja Brasil. Dois conceituados analistas de mercado, Paulo Molinari, da Safras & Mercado, e Liones Severo, da SimConsult - participaram da programação e falaram a O Presente sobre a questão.

 

Infelizmente, os preços devem seguir em queda ainda por alguns dias, pelo menos até a primeira semana de agosto. A boa notícia é que a partir daí deve haver uma reação. No entanto, os profissionais divergem quanto à intensidade da reação do mercado. O primeiro aspecto mencionado pelos profissionais é com relação à valorização do dólar frente ao real, mesmo com as intervenções do Banco Central para conter esta alta. Eles lembram que as commodities agrícolas são alvo de especulações financeiras, que têm colaborado para essa queda dos preços da soja e aumento do dólar. O conselho para o produtor é avaliar seus custos e confrontá-los com os preços pagos. Tanto Molinari quanto Severo consideram que o preço da soja continua em bons preços se for feito um comparativo das médias históricas. Porém, motivado pelos valores, muitos agricultores, principalmente do Paraná e Rio Grande do Sul, têm segurado o produto, para auferir mais lucros.

(Leia a matéria completa na edição impressa de O Presente)

Compartilhar esta notícia

Publicidade