Marechal

Colégio rondonense inova ao fazer muro em forma de livros

 

O Presente

Colégio rondonense inova ao fazer muro em forma de livros

 

Uma iniciativa do Colégio Evangélico Martin Luther, de Marechal Cândido Rondon, está repercutindo na comunidade rondonense e em redes sociais. O educandário inovou ao fazer o muro em forma de livros.

Se quem não costuma passar em ruas próximas à instituição de ensino não sabia da novidade, possivelmente tomou conhecimento pelo Facebook.

Ontem (14) o jornalista Cristiano Viteck publicou fotos elogiando o trabalho do artista Trilha Grafite no Colégio Martin Luther. Uma iniciativa que, literalmente, demonstra a grandeza dos livros, enalteceu.

Em poucas horas a postagem recebeu dezenas de curtidas e foi compartilhada por mais de 80 pessoas, inclusive por ex-alunos que já não residem em Marechal Rondon. O lindo muro da escola onde estudei dos 3 até os 16 anos, descreveu o jornalista Luiz Haab ao compartilhar a postagem. Hoje ele reside em Cascavel.

Ildemar Kanitz, diretor do Colégio Martin Luther, comenta que a ideia de fazer esse muro surgiu no ano passado e neste ano pôde ser concretizada. " Quando surgiu a ideia, foi realizado reuniões com o Grêmio Estudantil e apresentado para eles essa iniciativa, que foi aprovada por todos. Logo em seguida, conversamos com os alunos para que eles dessem sugestões de nomes de livros para compor o muro."

Segundo Ildemar, o objetivo desta iniciativa é passar uma imagem diferente do educandário. "Já temos alguns desenhos nos muros no colégio, e fazemos isso porque desenhamos aquilo em que acreditamos e, eu particularmente, acredito que o livro seja um instrumento de crescimento do ser humano", destaca.

O responsável pela arte é o artista Alexandre Schwingel, popularmente conhecido como Trilha, que já possui diversos desenhos em grafite espalhados pela cidade.

Através dessa iniciativa, visou-se destacar a importância da leitura, pois a partir dela é possível ampliar os horizontes de vida, de conhecimentos, imaginação e sonhos. "O muro ainda não está totalmente finalizado, ainda há alguns retoques que serão feitos, logo, não esperávamos que isso iria repercutir desta maneira, fiquei surpreso quando vi o número de compartilhamentos nas redes sociais'', declara Ildemar.


O Presente

O Presente

O Presente

 

Arquivo/OP

Alexandre Schwingel, o "Trilha", responsável pela arte do muro de livros