Policial

Chacina de Guaíra: réus dizem que queriam matar apenas três pessoas

17/03/2009 às 22:45 - Atualizado em 01/09/2012 às 20:27

Acusados da chacina ocorrida em Guaíra no último dia 22 de setembro, quando 15 pessoas foram executadas, Fabiano Alves de Andrade, o Buiú, 24 anos; Jair Correia, o Nenão, 52 anos; e Ademar Fernando Luiz, o Blake, 27 anos; foram ouvidos na tarde de ontem (17), no Fórum de Guaíra. O trio confessou a autoria da chacina e tentou justificar os 15 assassinatos e oito tentativas de homicídio.
Segundo o promotor Julio César da Silva, que acompanhou a audiência presidida pelo promotor do caso, Marcos Cristiano de Andrade, os réus alegaram que não queriam promover a matança e que os alvos eram apenas três pessoas: o dono do sítio, Jossemar Marques Soares, o Polaco, sua mulher e seu filho. “Eles dizem que as pessoas foram chegando e não tiveram como evitar as mortes”, relatou o promotor.

LEIA MATÉRIA COMPLETA NA VERSÃO IMPRESSA

<galeria />

Publicidade
Publicidade
Imagem do Dia

Praça Willy Barth - Marechal Cândido Rondon

Publicidade