Policial

Jovem alvejado por tiros em Medianeira está na UTI

O Presente

19/06/2013 às 08:38 - Atualizado em 19/06/2013 às 08:39

Divulgação

Um revólver calibre 38, uma pistola calibre 635 e dois
radiocomunicadores de propriedade dos adolescentes foram
apreendidos pela polícia

Investigadores da Delegacia de Polícia Civil de Medianeira elucidaram uma tentativa de homicídio ocorrida por volta das 20 horas de segunda-feira (17), em um bairro da periferia da cidade. A vítima, Clayton Luiz Schone, 21 anos, o “Tetê”, foi atingida por dois disparos de arma de fogo, sendo que um dos tiros atingiu a cabeça e outro a região das costas.

Tetê se encontra internado no Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz, no município medianeirense. Um funcionário do estabelecimento informou à reportagem de O Presente que o estado de saúde do rapaz é grave. “Ele respira com ajuda de aparelho, está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital e corre risco de morte”, relatou um funcionário.

Na manhã de ontem (18), os investigadores da delegacia apreenderam dois adolescentes, um de 15 e outro de 17 anos, os quais teriam confirmado a autoria do crime. Na delegacia, o menor de 15 anos teria declarado que no sábado (15) estava em companhia do comparsa de 17 anos, em frente a um clube de baile, naquele município, quando a vítima teria pedido emprestado um revólver para se defender de um desafeto que também estaria no local.

Porém, segundo o adolescente, quando ele teria pedido para Clayton devolver a arma, o mesmo teria lhe ameaçado com o referido revólver e mandado ele embora. No dia seguinte, domingo (16), após a devolução do revólver por Tetê, os menores teriam resolvido matá-lo, mas, como estava chovendo, teriam optado por adiar para segunda-feira.

(Leia a matéria completa na edição impressa do Jornal O Presente)

Publicidade
Publicidade
Imagem do Dia

Feira de atrações variadas em Marechal Rondon

Publicidade