Chacina de Guaíra: réus dizem que queriam matar apenas três pessoas

Publicado em: 17/03/2009 - 22:45 | Atualizado em: 01/09/2012 - 20:27

Acusados da chacina ocorrida em Guaíra no último dia 22 de setembro, quando 15 pessoas foram executadas, Fabiano Alves de Andrade, o Buiú, 24 anos; Jair Correia, o Nenão, 52 anos; e Ademar Fernando Luiz, o Blake, 27 anos; foram ouvidos na tarde de ontem (17), no Fórum de Guaíra. O trio confessou a autoria da chacina e tentou justificar os 15 assassinatos e oito tentativas de homicídio.
Segundo o promotor Julio César da Silva, que acompanhou a audiência presidida pelo promotor do caso, Marcos Cristiano de Andrade, os réus alegaram que não queriam promover a matança e que os alvos eram apenas três pessoas: o dono do sítio, Jossemar Marques Soares, o Polaco, sua mulher e seu filho. “Eles dizem que as pessoas foram chegando e não tiveram como evitar as mortes”, relatou o promotor.

LEIA MATÉRIA COMPLETA NA VERSÃO IMPRESSA

Compartilhar esta notícia

Publicidade

Comentários

Você precisa estar logado para comentar, clique aqui para entrar.
Se você for um novo usuário, clique aqui para se cadastrar.