Fale com a gente

Agronegócio Impactos

Avicultor perde 700 frangos em dois dias após intensa onda de calor no Paraná

Publicado

em

Avicultor diz ter perdido 400 aves em um dia de calor no Paraná — Foto: Caminhos do Campo/RPC

O avicultor Altamir Gomes, de Cascavel, perdeu pelo menos 700 frangos por conta da intensa onda de calor que atingiu o Paraná e outras regiões do país nos últimos dias.

“A gente perdeu 400 franguinhos já nos últimos dias de abate. No outro dia, mais 300″.

Especialistas destacam que investimentos em modernização são necessários para garantir o bem-estar animal, amenizar o calor característico desta época do ano e, por consequência, garantir a produtividade.

Avicultor diz ter perdido 400 aves em um dia de calor no Paraná — Foto: Caminhos do Campo/RPC

Avicultor diz ter perdido 400 aves em um dia de calor no Paraná — Foto: Caminhos do Campo/RPC

Para o frango adulto, a temperatura ideal dentro dos barracões é de cerca de 20°C. Cascavel chegou a registrar 38°C, segundo o Sistema Meteorológico Paranaense (Simepar).

As alterações climáticas têm sido acompanhadas com preocupação pela Associação Brasileira de Proteína Animal.

Apesar da cautela, a instituição acredita que o calor não deve impactar significativamente no valor do produto, nem na disponibilidade de produto no mercado interno este ano.

“O calor prejudica o apetite do animal. Com isso, a ave consome menos e vai ter menos peso”, finaliza o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

Com G1

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Copyright © 2017 O Presente