Copagril
Pastor Mário Hort

Como podemos obter as bênçãos ordenadas sobre nós? – 4ª parte

Em memória ao pastor Mário Hort, o Jornal O Presente publica os últimos artigos escritos por ele

 

Devemos sempre colocar diante de nossa alma que Deus abençoa a união e a harmonia, mesmo que no momento o “egoísta” conquista e abraça… A maldição do ódio vem, e virão também as bênçãos para quem foi instrumento de paz e perdeu para obter as bênçãos ordenadas por Deus.

Casa do Eletricista folha LORENZETTI

Caim ganhou a briga com seu irmão, e Abel morreu, porém o cordeiro sacrificado por Abel foi o primeiro exemplo do Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. (João 1:29)

Podemos perder a “razão”, o prestígio e até sair humilhados por irmãos, mas quem receberá as bênçãos do Senhor?

A Escritura diz: “Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes”. (Tiago 4:6)

 

Deus ordena sua bênção para quem abençoa aos que Ele abençoa

Disse o Senhor a Abrão: “Eu te abençoarei, engrandecerei teu nome; serás tu uma bênção!

Abençoarei os que te abençoarem, amaldiçoarei aquele que te amaldiçoar. Por teu intermédio abençoarei todos os povos sobre a face da terra!”. (Gênesis 12:2,3)

Não podemos ser Abrão, Moisés ou Elias, nem apóstolos como Pedro e Paulo. Devemos ser aquela pessoa única útil e valiosa e cumprir nossa parte no corpo de Cristo.

É muito triste se tentamos impedir que nossos irmãos sejam o que Deus lhes incumbiu. Isso complica nossa própria vida e causa um grande sofrimento à beleza da família, que deve ser nossa unidade abençoada.

 

Como é grande a alegria de uma irmandade unida

Tenho saudosas lembranças dos encontros de famílias, quando as crianças brincavam. Sonhando como noivinhas, faziam trilhos com o talco da mamãe, e a felicidade estava no ar.

Que grande felicidade quando todos vivem em união!

Há encontro de jovens no centro recreativo com esportes e banhos refrescantes na piscina, após o esporte. Temos noites de celebração dos adolescentes, jovens, casais e momentos de festa na vida comum de pura felicidade.

 

Infeliz é aquele que tem inveja de seu irmão

Míriam e Arão começaram a criticar a Moisés. Eles disseram: “Será que o Senhor tem falado somente por meio de Moisés? Será que não tem falado também por meio de nós? E o Senhor ouviu o que eles disseram (Moisés era um homem humilde, o mais humilde do mundo).

Logo em seguida o Senhor disse a Moisés, a Arão e a Míriam: “Vocês três aí, vão para a Tenda Sagrada…”.

No mesmo instante Míriam foi atacada por uma terrível doença (lepra) da pele, e ficou branca como a neve. Arão olhou para Míriam e viu que, de fato, ela estava atacada por aquela doença.

Aí Arão disse a Moisés: “Por favor, chefe, eu lhe peço que não nos faça sofrer o castigo por causa desse pecado que cometemos num momento de loucura”. Então Moisés orou assim a Deus, o Senhor: “Ó Deus, eu te peço que a cures!”. (12:1-13). Deus curou Míriam, que havia se rebelado contra a autoridade de seu irmão.

Seja participante do ministério de seu irmão e seja abençoado, e não se oponha facilmente aos seus escolhidos.

Lamentavelmente devemos alertar que há muitos charlatões que se fazem passar por pastores e conduzem grandes rebanhos, que são enganados. São corruptos com a Bíblia na mão e irão pagar por criar “covas de salteadores”. (Mt 21:12-13)

Porém, temos inúmeras igrejas nestas irmandades e encontraremos a felicidade de nosso tema: “Oh, como é bom e agradável viverem unidos os irmãos”.

 

O autor foi pastor da Igreja de Deus no Brasil em Marechal Cândido Rondon. Ele faleceu no último dia 09 de outubro.

ecosdaliberdade@yahoo.com.br

TOPO