Ecoville – Maior rede de limpeza
Dom João Carlos Seneme

Zaqueu, hoje a salvação entrou na sua casa!

Estamos acompanhando há alguns domingos o tema da fé que nos leva a contemplar o rosto misericordioso de Deus. A fé é o caminho seguro para adquirir a certeza da bondade e misericórdia do Pai.

Neste domingo temos o relato do encontro de Jesus e Zaqueu que parece ser um “caso impossível” porque é publicano e rico. Duas dificuldades para conseguir a salvação. Sua riqueza foi adquirida através da cobrança indevida de impostos: um verdadeiro representante dos corruptos que usam de seu poder para vantagem própria! Excluído da salvação segundo a lei de Moisés porque é um publicano e excluído da salvação segundo o evangelho pela riqueza que possui!

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

O Evangelho nos apresenta que há esperança para todos. O impossível acontece na vida de Zaqueu: “Hoje a salvação entrou na sua vida”. Zaqueu não perde a oportunidade que Deus lhe oferece, parece estar em busca e finalmente encontra. Faz um esforço sobrenatural para ver Jesus: corre, sobe na árvore. Finalmente o seu sonho se realiza: Jesus olha para cima e vê Zaqueu. A alegria toma conta de sua vida e ele não desperdiça a graça de Deus que lhe é concedida. Fica de pé e diz ao Senhor: “eu dou a metade dos meus bens aos pobres e, se defraudei alguém, vou devolver quatro vezes mais”. Jesus lhe diz: “Hoje a salvação entrou nesta casa”! Jesus cumpre a sua missão: “O Filho do homem veio procurar e salvar o que estava perdido”.

Todos nós somos Zaqueu. O caminho da fé nos coloca numa atitude de busca incessante. Não podemos parar, nosso andar deve ser iluminado constantemente para não errarmos o caminho que nos conduz ao Deus vivo. Para isto precisamos deixar de lado muitas coisas inúteis que podem atrapalhar este encontro. Olhos fixos em Jesus na direção do que é realmente essencial. Não existe receita pronta, existe esforço e vontade de encontrar o Senhor e por causa dele largar tudo e correr ao seu encontro.

A onipotência de Deus se manifesta no seu amor seguro e constante. Ele não se cansa de buscar as criaturas. Jesus procura Zaqueu, Zaqueu procura Jesus. Deus ama Zaqueu e sua misericórdia o transforma a tal ponto que ele muda a direção de sua vida e renuncia a tudo que achasse essencial em sua vida: o dinheiro.

Jesus não espera a conversão de Zaqueu para acolhê-lo, ele o ama, antes de tudo, e a gratuidade desse amor torna possível a conversão. Não existe aqui magia, mas disponibilidade e paciência de Jesus. Este é o momento certo e Zaqueu, que procura, é encontrado pelo amor de Deus manifestado em Jesus Cristo.

A boa notícia que o evangelho nos revela hoje é que cada um de nós está sendo procurado, não importante se somos pequenos, publicanos, pecadores (…). Ele quer nos encontrar. Não vamos perder esta oportunidade. Vamos abrir a porta de nossa casa. “Eis que estou à sua porta e bato; se ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa, e cearei com você e você comigo” (Ap 3,20).

TOPO