Copagril
Esportes Fase nacional

Basquete do Colégio Frentino Sackser disputa hoje semifinal nos Jogos Escolares da Juventude

Professor Marcelo Góes incentiva atletas antes de entrar em quadra (Foto: Ricardo Morante/SEET)

O basquete paranaense 15 a 17 anos está em alta. O Colégio Estadual Frentino Sackser, de Marechal Cândido Rondon, na categoria masculino, e o Colégio COC Semeador, de Foz do Iguaçu, pelo feminino, seguem para a fase eliminatória dos Jogos Escolares da Juventude, disputados em Blumenau, Santa Catarina, e estão entre os quatro melhores times estudantis do país. As disputas da segunda fase começam nesta terça-feira (19).

Com vitórias nos três compromissos disputados, o CE Frentino Sackser vai enfrentar na semifinal o Colégio Puríssimo Coração de Maria, representante paulista. O confronto acontece às 16h30 no Ginásio de Esportes Galegão. “Estamos confiantes. Os meninos comemoraram muito a conquista da vaga que é fruto de um planejamento que fizemos no início do ano”, disse o técnico rondonense Marcelo Góes.

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

O colégio rondonense acolhe os atletas do Projeto Crescendo com o Basquete por meio de uma parceria iniciada no final de 2013. Aproximadamente 300 crianças treinam desde as categorias menores. “É um colégio estadual que abriu as portas para nós e com isso mostramos que é possível buscar algo melhor a partir do esporte”, disse Marcelo lembrando que em 2016, o projeto alcançou o quinto lugar brasileiro nos JEJS em João Pessoa.

Na ocasião o professor lembrou ter dito aos atletas que era possível ir muito além. “Quando esses mesmos meninos ganharam os Jogos Escolares do Paraná, 12 a 14 anos, e conquistaram a vaga na Paraíba, eu disse a eles que ainda teríamos muito a caminhar e aqui está o resultado. Essa semifinal representa a seriedade do trabalho realizado”, declarou.

Pela disputa feminina, o COC Semeador entra em quadra às 10h30 para enfrentar o Colégio ADN Master, do Rio de Janeiro. As comandadas do professor Cláudio Lisboa venceram as três partidas da fase classificatória e terminaram com a primeira colocação no Grupo B. O confronto acontece no Ginásio de Esportes Galegão.

 

HANDEBOL

O handebol também tem equipe classificada para a semifinal. No feminino, 12 a 14 anos, o elenco do Colégio Dom Bosco Ahú, de Curitiba, avançou após vencer, por 30×15, a EEB Claudino Crestani, de Santa Catarina. O time entrou em quadra às 09h15 para enfrentar o Colégio Castro Alves, do Espírito Santo, valendo vaga na final. Pelo masculino, 15 a 17 anos, o Colégio Estadual ATO, de Campo Mourão, briga pela quinta colocação com o Centro Educacional Santa Mônica, do Rio de Janeiro, às 14 horas. Os dois confrontos acontecem na Vila Germânica.

 

JUDÔ E WRESTLING

Além das disputas coletivas, o judô e o wrestling seguiram com as disputas na segunda-feira (18) e garantiram mais três medalhas para os paranaenses na competição de 12 a 14 anos. Gustavo Milano ficou com a prata na categoria até 58 kg e Emilly dos Santos garantiu o bronze para atletas acima de 64 kg. Já Willian Rubik conquistou a prata no wrestling, 15 a 17 anos, no peso leve.

 

QUADRO DE MEDALHAS

Ouro 0

Prata 3

Bronze 2

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), com patrocínio da Coca-Cola, parceria da Ajinomoto e do Grupo Globo, e apoio da Prefeitura Municipal de Blumenau e do Governo do Estado de Santa Catarina/Fesporte. Os Jogos Escolares do Paraná são uma realização do Governo do Estado do Paraná, por meio da Secretaria da Educação e do Esporte.

 

Com Jogos Escolares

TOPO