Esportes Medida restritiva

CBF abre mão da realização da Copa América de Futsal devido aumento de casos de Covid-19

Thais Magalhães/CBF

Devido o aumento de casos de Covid-19 no Brasil e a entrada da variante ômicron, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) abriu mão de sediar a Copa América de Futsal, que aconteceria em janeiro de 2022 no Rio de Janeiro. Um relatório foi enviado a Conmebol na última segunda-feira (27).

“O torneio iria reunir jogadores e integrantes de comissões técnica de dez seleções, além de todo o pessoal de arbitragem e da organização do evento. O departamento médico da CBF nos alertou sobre o cenário preocupante com o crescimento da Covid no próximo mês e comunicamos aos executivos da Conmebol que abrimos mão do evento”, afirmou Ednaldo Rodrigues, presidente interino da entidade.

[ Publicidade ]
Casa do Eletricista – TORNEIRAS ELÉTRICAS

O Brasil registrou 9.958 casos de Covid-19 na última quarta-feira (29), um aumento de 53% em comparação há duas semanas. O número pode ser ainda maior devido os problemas no sistema do Ministério da Saúde.

[ Publicidade ]
Nied maio 2022 X

Devido ao aumento de casos, diversos países da Europa estão voltando a adotar medidas restritivas na área esportiva. A Alemanha, por exemplo, voltou a restringir a presença de torcedores nos estádios.

A Copa América de Futsal aconteceria no Parque Olímpico entre os dias 29 de janeiro e 6 de fevereiro.

Mudança de postura

Rodrigues adotou uma postura bem diferente de Rogério Caboclo em relação a realização de eventos em meio a pandemia. Em junho deste ano, o antigo presidente aceitou organizar a Copa América após Argentina e Colombia abrirem mão.

Mesmo com infectologistas criticando a decisão, o evento foi realizado e teve apoio do presidente Jair Bolsonaro.

 

Com Tv Cultura

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO