Copagril – Sou agro com orgulho
Esportes Frustração

Inter abraça desabafo de Dourado após derrota no Gre-Nal: “Reação normal de quem é líder”

(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

O Internacional deu razão ao desabafo de Rodrigo Dourado ao mesmo tempo que admitiu a frustração pela derrota no Gre-Nal 430 de sábado (03), na Arena, pelo Gauchão. Após o volante falar que o Colorado tem “medo de ser feliz” nos clássicos, o técnico Miguel Ángel Ramírez e o vice de futebol João Patrício Herrmann corroboraram a indicação.

Ramírez e Herrmann concederam, cada um, entrevistas coletivas de maneira virtual. Ambos deram razão ao desabafo de Dourado, já que o time não aproveitou as oportunidades que teve para balançar as redes no clássico.

Casa do Eletricista – BOBCAT

“Tem um problema maior quando não se cria. E hoje, criamos. Me preocupa que não criasse. Mas tem razão o capitão. Nesse tipo de partida, contra rivais de hierarquia fora de casa, temos que aproveitar as chances que temos. Senão o rival chega e aproveita”, analisou Ramírez.

Ao mesmo tempo, o dirigente viu uma reação normal de quem é líder, tendo em vista que o volante é o atual capitão da equipe. E espera que o fato sirva de lição para os próximos jogos.

“Quem entendeu o jogo, vai entender a cabeça quente do Dourado. Tivemos chances de ganhar o jogo. A indignação do Dourado é a de todos nós. Estamos bastante frustrados porque a vitória não veio. Mas faz parte. O Dourado é um dos líderes do elenco, é uma reação normal de quem é líder. O Inter tem que fazer desse resultado negativo um entendimento para os próximos jogos e porque não venceu esse jogo, porque no jogo contra o São José deixou de matar o jogo. Teremos agora cerca de 10 a 12 dias de treinamentos”, declarou João Patrício.

Dourado demonstrou o sentimento de indignação logo após o apito final. Em entrevista na saída de campo, o volante chegou a dizer que o time tem “medo de ser feliz” nos Gre-Nais.

“Nos Gre-Nais, a gente chega na cara do gol e não consegue fazer os gols. Tem medo de chutar, medo de ser feliz”, declarou Dourado.

Ainda digerindo a derrota no Gre-Nal, o elenco do Inter teve folga nesse domingo (04). A reapresentação está marcada às 16h30 desta segunda-feira (05), no CT Parque Gigante. O planejamento prevê cerca de 12 dias de preparação ao grupo do técnico Ramírez.

Pelo Gauchão, a derrota fez o Inter cair para a segunda colocação geral. O time tem os mesmos 17 pontos que o rival, mas perde a liderança pelo saldo de gols. O próximo compromisso é contra o Aimoré, no Cristo Rei, ainda sem data e horário definidos.

 

Com Globo Esporte

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO