Ford Ka 2020
Esportes Mascote Milco

Lima supera desafios e abre hoje 18ª edição dos Jogos Pan-Americanos

Foto: Fabio Pozzebom/Agência Brasil

Os Jogos Pan-Americanos de Lima 2019 começam hoje (26), na 18ª edição do evento, idealizado em 1932 e realizado pela primeira vez em 1951, em Buenos Aires, na Argentina.

Desde então, vem crescendo. Se da primeira edição participaram 2.513 atletas de 21 países, agora, em Lima, entre os dias 26 de julho e 11 de agosto, 6.680 atletas disputarão a competição que reúne também 2.672 oficiais de 42 países .

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

Para receber a competição, o governo peruano gastou 1,1 bilhão de dólares em obras de infraestrutura em Lima e 1,2 bilhão de dólares na construção da Vila dos Atletas e nas 19 instalações que vão receber as diferentes competições.

No total, serão 417 provas de 38 esportes. O mascote oficial Milco, uma estátua que homenageia as culturas de antigas civilizações, vai marcar presença na entrega de 965 medalhas de ouro, 965 de prata e 1.098 de bronze. Essas medalhas serão distribuídas pela Sociedade Nacional de Minério do Peru e têm 80 milímetros de diâmetro e pesam 300 gramas. Todas são feitas de cobre e as de ouro e prata serão banhadas.

 

História dos jogos

Os Jogos Centro-Americanos eram disputados nos anos 30 quando surgiu a ideia da realização de um evento esportivo reunindo todos os países do continente americano, incluindo os das Américas do Norte e do Sul.

O I Congresso Esportivo Pan-Americano aconteceu em 1940, prevendo a primeira edição dos Jogos Pan-Americanos para 1942, em Buenos Aires. Mas a exemplo das Copas do Mundo de 1942 e 1946, canceladas em razão da Segunda Guerra Mundial, o Pan também ficou para depois – o ataque a Pearl Harbor fez os Estados Unidos entrarem no conflito.

A primeira edição do Pan, então, aconteceu em 1951. E, desde lá, a competição ocorre a cada quatro anos, num rodízio entre os países das três regiões do continente. Desde 1955, a realização fica a cargo da Organização Desportiva Pan-America (ODEPA), sediada na Cidade do México. Ela reúne 42 países membros.

A exemplo dos Jogos Olímpicos, o Pan tem uma tocha e um mascote. Em 1951, a tocha saiu de Olímpia, na Grécia, e foi até Buenos Aires. Desde então, ela é acesa nas ruínas maias de Teotihuacán, no México. A única exceção aconteceu em 1963, quando os índios carajás a acenderam em Brasília e a levaram a São Paulo – o Brasil também recebeu o Pan de 2007, no Rio de Janeiro. O mascote entrou na história do Pan-Americano na edição de Porto Rico, em 1979.

 

Veja as edições do Pan e os mascotes:

I Jogos Pan-Americanos – 1951 – Buenos Aires (Argentina);

II Jogos Pan-Americanos – 1955 – Cidade do México (México);

III Jogos Pan-Americanos – 1959 – Chicago (EUA);

IV Jogos Pan-Americanos – 1963 – São Paulo (Brasil);

V Jogos Pan-Americanos – 1967 – Winnipeg (Canadá);

VI Jogos Pan-Americanos – 1971 – Cali (Colômbia);

VII Jogos Pan-Americanos – 1975 – Cidade do México (México);

VIII Jogos Pan-Americanos – 1979 – San Juan (Porto Rico) – Sapo Coqui;

IX Jogos Pan-Americanos – 1983 – Caracas (Venezuela) – Leão Santiaguito;

X Jogos Pan-Americanos – 1987 – Indianápolis (EUA) – Papagaio Amigo;

XI Jogos Pan-Americanos – 1991 – Havana (Cuba) – Ave Tocopan;

XII Jogos Pan-Americanos – 1995 – Mar del Plata (Argentina) – Leão-marinho Lobi;

XIII Jogos Pan-Americanos – 1999 – Winnipeg (Canadá) – Papagaio Lorita e Pato Pan-Americano;

XIV Jogos Pan-Americanos – 2003 – Santo Domingo (República Dominicana) – Peixe-boi Tito;

XV Jogos Pan-Americanos – 2007 – Rio de Janeiro (Brasil) – Sol Cauê;

XVI Jogos Pan-Americanos – 2011 – Guadalajara (México) – Planta agave-azul Gavo, Cervo Huichi e Leão Leo;

XVII Jogos Pan-Americanos – 2015 – Toronto (Canadá) – Porco-espinho Pachi;

XVIII Jogos Pan-Americanos 2019 – Lima (Peru) – Estátua Milco;

 

Mudanças

A 18ª edição dos Jogos Pan-Americanos terá mudanças no programa esportivo, com relação aos Jogos de 2015. Entraram o surfe, a pelota basca, o fisiculturismo, o skate e a paleta frontón, um esporte peruano que se assemelha ao squash. Houve, também, modificações em vários esportes, com a inclusão de provas, que não integram o programa olímpico. Por outro lado, o beisebol feminino foi retirado. E, pela primeira vez, o nado sincronizado será chamado de natação artística.

Mas em maio, a ODEPA anunciou a exclusão do skate. As datas dos Jogos se chocam com a do World Skate America, previsto para Los Angeles, e como esse evento pontua para a classificação dos Jogos Olímpicos de Tóquio, houve o receio de um esvaziamento do Pan e a opção foi cancelar o esporte nos Jogos de Lima.

Esse será o Pan com o maior número da história de modalidades classificatórias para uma edição dos Jogos Olímpicos.

Serão 22, de forma direta (saltos ornamentais, natação artística, polo aquático, handebol, hipismo adestramento, hipismo saltos, hipismo CCE, hóquei sobre grama, tênis, tiro com arco, tiro esportivo, vela – laser e laser radial, pentatlo moderno e surfe), por pontuação em rankings (atletismo, badminton, basquete 3×3, caratê – kata e kumitê, levantamento de peso, taekwondo e tênis de mesa) e por obtenção de marca/índice (natação e atletismo).

No quadro geral de medalhas dos Jogos Pan-Americanos, desde 1951, os Estados Unidos lideram com 4.437 medalhas (1964 de ouro, 1460 de prata e 1013 de bronze); em seguida, vêm Cuba (2.029 medalhas), Canadá (1.913) e o Brasil, com 1.206, sendo 328 de ouro, 358 de prata e 520 de bronze.

A principal sede de disputas será a Vila Desportiva Nacional (Videna), que custou 201 milhões de dólares. Ela vai receber 12 esportes, incluindo a natação e o atletismo.

 

Com Agência Brasil 

TOPO