Esportes Desafios

Projeto de vôlei apoiado pela Prati-Donaduzzi retorna às atividades com atletas destaques

As atletas foram selecionadas para as seletivas da Seleção Paranaense Sub-18 de Voleibol Feminino (Foto: Igor Baggio)

Os atletas do Vôlei de Toledo se destacam no cenário esportivo. Esse reconhecimento é fruto de uma rotina de treinamentos. Após as férias, 2020 promete fortes emoções para o esporte toledano. As atividades das escolinhas e os treinos dos atletas de rendimento retomaram com força total.

Esse trabalho integra o Projeto Mais Vôlei, apoiado há cinco anos pela indústria farmacêutica Prati-Donaduzzi, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte. 

Casa do Eletricista – TORNEIRAS ELÉTRICAS

“Através deste projeto, evidenciamos a prática esportiva como forma de incentivo e promoção à saúde e bem-estar na comunidade”, afirma o gerente de Marketing, Lucas Angnes. 

A parceria permite que atletas se destaquem em competições, como é o caso da ponteira Taína Anschau, que tem apenas 17 anos, mas já conta com grandes conquistas na quadra. “Eu gosto muito do Vôlei e tenho me dedicado bastante para alcançar todos os meus objetivos. Fico muito feliz em ser um destaque e pretendo treinar ainda mais”.

Novos desafios 

O projeto descobre novos talentos no esporte. Recentemente três jovens foram convocadas para participar das seletivas da Seleção Paranaense Sub-18 de Voleibol Feminino.  A levantadora Barbara Silva Freitas, a central Thays Oliveira, e a ponteira Larissa Marcolin, foram as selecionadas.

Caso as atletas sejam aprovadas na seletiva, vestirão a camisa paranaense da Seleção e representarão o Estado no Campeonato Brasileiro de Seleções Sub-18 em Saquarema no Rio de Janeiro. “Eu fiquei muito feliz com a notícia e agora continuarei a rotina pesada de treinos para ser aprovada”, conta Barbara.

O técnico Marcos Assunção, um dos instrutores do projeto Mais Vôlei de Toledo, já tem a camisa garantida. Ele foi convocado para ser assistente técnico da Seleção Paranaense. Esta é a terceira vez que o professor é chamado para compor a comissão técnica da seleção paranaense.

Escolinhas

O projeto Mais Vôlei também é uma oportunidade para que crianças e adolescentes busquem novos caminhos no esporte. As escolinhas atendem participantes de 8 a 17 anos de diversos bairros de Toledo.

“Contar com o apoio da Prati-Donaduzzi é muito importante, pois faz com que o esporte cresça e principalmente revele novos talentos”, destaca Assunção. 

Além do apoio da farmacêutica o projeto também é incentivado pela Prefeitura Municipal de Toledo e Associação de Voleibol de Toledo (Avotol). Atualmente participam do Mais Vôlei cerca de 300 crianças e adolescentes.

Para mais informações entrar em contato com a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer através do telefone: (45) 3055-8777.

A ponteira Taína Anschau conta com grandes conquistas em quadra (Foto: Igor Baggio)

O projeto Mais Vôlei também é uma oportunidade para que crianças e adolescentes busquem novos caminhos no esporte.

 

Com assessoria 

 

Clique e participe do nosso grupo do Whatsapp

TOPO