Copagril
Geral Exame

Morcego encontrado morto na UEM estava infectado com raiva, aponta exame

Caso foi confirmado pela Secretaria de Saúde de Maringá. Universidade pede para que alunos avisem a prefeitura caso encontrem outros animais mortos na região (Foto: UEM/Divulgação)

Um morcego encontrado morto na Universidade Estadual de Maringá (UEM) estava infectado com o vírus da raiva, de acordo com a Secretaria de Saúde do município.

O resultado do exame feito pelo Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen) é do dia 30 de maio, mas foi divulgado pela universidade na quinta-feira (06).

Por causa da confirmação, a UEM publicou um comunicado com recomendações da Secretaria de Saúde caso alguma pessoa encontre mais morcegos mortos: que a área seja isolada para evitar contato com humanos e que o Centro de Controle de Zoonoses seja informado para fazer a retirada apropriada do animal do local.

A universidade também orienta que vítimas de mordida de morcego, gato ou cachorro procurem o Hospital Universitário de Maringá imediatamente.

 

Com G1 PR 

TOPO