Geral reduzir o valor

Prepara 2019: saiba o passo a passo para calcular o consumo de energia de um eletrodoméstico

(Foto: Divulgação)

Saber calcular o consumo de eletrodomésticos pode reduzir o valor da conta de luz e ajudar na manutenção dos próprios aparelhos.

O senhor Orestes Kozan, morador de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, acredita que o chuveiro de casa, por exemplo, é um vilão para a conta de energia elétrica.

A filha de Orestes, a estudante Larissa Kozan, diz que gasta em média cerca de 30 minutos todos os dias no banho.

Casa do Eletricista – RETOMA

“Normalmente, tem que lavar o cabelo e mulher é um pouco mais demorado porque tem todo o procedimento de lavar, passar o condicionador e tudo mais”, disse.

Para tentar controlar a conta, Orestes conta que fica na cola da filha para que ela desligue logo o chuveiro.

“Eu desligo o disjuntor que é no corretor. Mas geralmente a gente bate na porta para diminuir o banho”, disse rindo.

Como fazer o cálculo do consumo de energia?

O professor de física Luiz Eduardo Krett, do Grupo de Estudos da Igreja Imaculada Conceição, explica que quase metade do valor da conta de energia elétrica é por conta do chuveiro. Ele explica como fazer o cálculo.

“Primeiro de tudo você vai ter que calcular a energia que cada aparelho utiliza. Como você vai fazer isso? É só pegar a potência dele e multiplicar pelo número de horas. Depois, divide o valor por mil. Aí você multiplica pelo valor de quanto a companhia de energia cobra por kWh (quilowatt-hora)”, disse.

Para explicar melhor, o professor utiliza como exemplo o chuveiro da casa do senhor Orestes. Veja o passo a passo:

1 – Ver a potência do aparelho: no caso do chuveiro do senhor Orestes, é 3.400 watts (W).

2 – Multiplicar pelo número de horas usado: a família usa o chuveiro uma hora por dia, em média. Então, 3.400 x 1 = 3.400.

3 – Dividir o valor por mil: o resultado irá apontar a unidade de kWh, que é a medida usada pela Copel. Então, 3.400/1.000 = 3,4 kWh.

4 – Multiplicar pelo preço do kWh: atualmente a Copel cobra R$ 0,79 por kWh. Fazendo a conta, 3,4 x R$ 0,79 = R$ 2,58. Esse é o resultado do consumo diário.

5 – Cálculo mensal: só multiplicar por 30 o valor do gasto do diário. Exemplo: R$ 2,58 x 30 = R$ 80,58

 

Para reduzir a conta de luz, o engenheiro eletricista Daniel Gueiber dá algumas dicas. Veja abaixo

  • Aproveite a luz do dia: evite acender uma lâmpada em ambientes bem iluminados.
  • Evite colocar alimentos quentes na geladeira: outra dica também é cuidar da borracha para manter os alimentos bem refrigerados e economizar energia.
  • Tomar banhos mais curtos: além de economizar energia, reduzir o tempo de banho também ajuda a diminuir o consumo de água.
  • Faça manutenções: procure sempre um profissional habilitado, principalmente para evitar acidentes.
Com G1
TOPO