Ford Show Rural
Ecoville – Maior rede de limpeza
Geral

Projeto proíbe investigar se funcionário é devedor

Um projeto que pro iacute;be as empresas de investigar a vida financeira de uma pessoa antes de contrat aacute;-la foi aprovado no Senado e agora est aacute; na C acirc;mara dos Deputados. O projeto qualifica a consulta aos cadastros como invas atilde;o de privacidade e da honra e pro iacute;be a pr aacute;tica. A empresa que desrespeitar pode ser multada em at eacute; R$ 1 milh atilde;o. Quem tiver o cadastro de cr eacute;dito consultado indevidamente pode ser indenizado em dez vezes o sal aacute;rio oferecido para a vaga.
Muitas empresas consultam o cadastro de inadimplentes, mas nenhuma assume publicamente.
Para o advogado trabalhista Marcio Veira, a iniciativa eacute; boa, mas deve ser assegurado o direito de contratar o profissional que possui o perfil mais adequado. ldquo;Entendo que o trabalhador com dificuldades financeiras n atilde;o teria perfil adequado para trabalhar em uma empresa que explora atividades financeiras rdquo;, ressalva.
Para a advogada trabalhista Renata Fleury, trata-se de uma discrimina ccedil; atilde;o velada e, por isso, ela apoia o projeto. ldquo;O candidato busca a reinser ccedil; atilde;o no mercado para quitar os d eacute;bitos, por isso eacute; louv aacute;vel a iniciativa rdquo;, diz.

TOPO