Copagril – Sou agro com orgulho
Geral Condições perigosas

Tempo severo trará temporais violentos entre Paraguai e Brasil, alerta MetSul

(Foto: Divulgação)

Condições muito perigosas de tempo severo são esperadas da tarde para a noite deste sábado (23) e no domingo (24) entre o Paraguai, o Sul, o Centro-Oeste e o Sudeste do Brasil. O ambiente atmosférico está propício ao registro de tempestades muito severas com episódios isolados severos de vento forte em que há risco de fortes vendavais por frentes de rajadas, violentas correntes descendentes de vento (microexplosões ou downburst) e mesmo o risco de tornado isolado.

Uma área de baixa pressão térmica atua entre o Norte da Argentina e o Paraguai com pressão atmosférica extremamente baixa, de até 995 hPa, e ainda há ar muito quente de origem tropical, portanto por demais instável, atuando sobre a zona.

Copem/Pedalando Por Bíblias

Temporais já começaram a ser registrados em áreas mais ao Sul do Paraguai, como em cidades do departamento de Misiones, com chuva forte, muitos raios, granizo e vendavais. Em alguns pontos, o dia virou noite na manhã deste sábado. Preocupa muito o cenário para a tarde e noite de hoje sobre o Paraguai, além de parte do Sul do Brasil e do Centro-Oeste.

Nied 2021 L1

Os índices de instabilidade projetados pelos modelos numéricos e os demais parâmetros de tempo severo são altíssimos para uma extensa zona. O pior do tempo severo deve ocorrer no Paraguai, mas o risco é muito malto de que venham a ser registrados temporais fortes a severos com alta probabilidade danos e estragos também no território brasileiro e no Norte da província argentina de Misiones.

Combate Max Natal

Na segunda metade deste sábado e no começo do domingo, o potencial para tempo severo deve aumentar muito no Paraná, em particular no Oeste do estado, e no Mato Grosso do Sul, sobretudo mais ao Sul.

Rui Sonho nov/dez 2

O índice de instabilidade CAPE (Convection Available Potential Energy), usado na Meteorologia como um dos preditivos de risco de tempestades, apresenta valores muito altos para a tarde e noite deste sábado no Paraguai e elevados no Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Isso sugere um alto risco de temporais isolados nestas áreas que podem ser fortes e muito fortes. Os valores do CAPE são altíssimos para a tarde deste sábado no Centro e no Norte do Paraguai, onde estará o ar mais quente com temperatura em diferentes pontos entre 35ºC e 40ºC, logo devem ocorrer temporais isoladamente violentos e com estragos no país vizinho em que não se descarta granizo grande a gigante e vento em alguns pontos acima de 120 k/h com potencial de episódios muito localizados (microescala) de vento destrutivo.

Chama a atenção no índice de Parâmetro de Tornado Significativo (PTS) uma extensa área em que o risco de ocorrência de tornado é elevado entre a tarde e a noite de hoje. Obviamente, não ocorrerão tornados por toda a região indicada pelo modelo, mas há potencial para alguns muito isolados, notadamente sobre Paraguai.

Este primeiro momento de tempo severo será favorecido pela interação do ar quente e úmido muito instável com um centro de baixa pressão. Ocorre que haverá um segundo momento em que as condições serão propícias a tempo severo. Será no deslocamento de uma frente fria pelo Sul, Centro-Oeste e o Sudeste do Brasil.

A frente fria ao avançar pelo Sul do país vai trazer chuva volumosa em curto período, logo com alto risco de temporal acompanhando. Inicialmente, pelo Noroeste e o Norte gaúcho, na sequência por Santa Catarina com maior risco no Oeste e no Meio-Oeste, depois para o Paraná com alto risco em todas as regiões, e depois para Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e São Paulo, chegando até o Triângulo Mineiro.

Haverá alinhamentos de nuvens muito carregadas e neste tipo de cenário podem ocorrer temporais fortes de vento com risco ainda de granizo. Tal cenário aparece nitidamente para áreas principalmente do Paraná, Centro-Sul do Mato Grosso do Sul e do interior de São Paulo.

Quando da presença de alinhamentos de temporais no avanço da frente fria há troca muito rápida de ar quente para frio, o que aumenta demais o risco de vendavais e fortes. Ar muito quente, com temperatura no nível de 850 hpa (1.500 metros de altitude), acima de 20ºC, com pressão atmosférica muito baixa, entre 1.000 hPa e 1.005 hPa, deve preceder a chegada da frente fria em áreas do Mato Grosso do Sul, do Noroeste e do Norte do Paraná, e do interior de São Paulo. Sob estas condições, o risco de tempo severo com tempestades fortes a severas fica muito favorecido. Assim, municípios localizados nestas regiões têm um elevado potencial para temporais de maior intensidade que em alguns pontos podem provocar alagamentos e ainda danos em razão de vento forte a muito intenso, ocasionalmente severo.

https://metsul.com/tempo-muito-severo-trara-temporais-violentos-temporais-entre-paraguai-e-o-brasil/ .

 

Com MetSul

Grupo Costa Oeste 2021

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO