Ford Show Rural
Ecoville – Maior rede de limpeza
Marechal O Presente na Comunidade

Augusto I, Augusto II e Barcelona, os bairros pra lá da BR

(Foto: O Presente)

“O Presente na Comunidade”

O projeto “O Presente na Comunidade”, estreado em dezembro, tem a finalidade de mostrar à população rondonense as comunidades do município, que recebem a visita da reportagem do jornal. O objetivo é dar voz e vez às lideranças e cidadãos destas localidades para que falem sobre projetos, atividades desenvolvidas entre outras iniciativas que acontecem nos bairros e distritos de Marechal Cândido Rondon.

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

 

BAIRROS AUGUSTO I, AUGUSTO II E BARCELONA

Os bairros Augusto I, Augusto II e Barcelona ficam localizados na saída para o município de Nova Santa Rosa e são considerados bairros novos de Marechal Cândido Rondon. Por serem locais próximos, os três bairros dividem a mesma associação de moradores.

O bairro Augusto I conta com Unidade de Saúde, que é utilizada pelos moradores dos três bairros. Há alguns meses foi inaugurada uma pista de bicicross, estrutura localizada no Augusto I, mas que está à disposição da população do Augusto II, Barcelona e arredores, bem como da comunidade em geral.

À frente da associação de moradores dos três bairros está Ivo Bruno Bressler. Na presidência há cinco anos, ele reside no Bairro Augusto I há aproximadamente 15 anos. Ivo conta que antigamente o centro comunitário não era atrativo, e a população não procurava o espaço para fazer eventos, porém, depois que a estrutura foi melhorada, a procura aumentou. “Hoje alugamos bastante para a realização de festas de aniversário e encontros de família. O pessoal agora usa com bastante frequência. Além disso, a prefeitura e o pessoal do posto de saúde também usam o espaço para eventos quando precisa”, comenta o presidente.

“O salão foi ampliado na minha gestão. Era pequeno, não tinha nem churrasqueira boa para assar carne, e tudo isso foi feito. Foram obras de alto custo. Foi instalado exaustor, porque em dia de calor ninguém aguenta. Queria fazer muito mais, mas o dinheiro não é muito”, lamenta Bressler. Ele diz que os custos para manter a associação são altos, pois há cobrança de luz, água, além de encargos administrativos. “Não temos dinheiro sobrando em caixa. Estamos controlando para manter o funcionamento do centro comunitário”, expõe.

Presidente da associação de moradores dos bairros Augusto I e II e Barcelona, Ivo Bressler: “O salão foi ampliado na minha gestão. Era pequeno, não tinha nem churrasqueira boa para assar carne, e tudo isso foi feito. Foram obras de alto custo. Queria fazer mais, porém o dinheiro não é muito” (Foto: O Presente)

 

EVENTO TRADICIONAL

Evento tradicional organizado pela associação de moradores dos bairros acontece sempre no mês de agosto. Trata-se da Festa do Costelão, que neste ano será promovida no dia 16. “Geralmente são assados cerca de 200 quilos de costelão. São vendidas fichas para a população, que no dia prestigia o evento”, menciona o presidente.

 

CONSTRUÇÃO DO VIADUTO

Bressler aponta a construção do viaduto que dá acesso aos bairros Augusto e Barcelona como algo muito positivo. Ele afirma que antes da construção do viaduto o acesso ao bairro era bastante complicado e demorava-se demais para atravessar a BR. “Também havia muitos acidentes. Muitas pessoas perderam a vida nessa rodovia. Primeiro foi bastante criticado, mas agora o pessoal está reconhecendo que a obra foi algo bom. Além do mais foi feita a passarela para que os pedestres possam andar com segurança”, enfatiza.

 

PISTA DE BICICROSS

Em setembro de 2019 foi inaugurada a pista de bicicross Max Mülling, localizada no Augusto. A obra foi realizada pela prefeitura e é muito utilizada pelas crianças do bairro. “Não poderiam ter construído coisa melhor aqui no bairro. Isso tirou as crianças da rua, porque elas ficavam andando de bicicleta na rua, agora elas vão lá e se divertem, e ficou uma estrutura muito bonita”, enaltece.

 

“TEMOS TUDO AQUI”

Morador no Augusto há cerca de 12 anos, Nereu Ramalho destaca que gosta muito do bairro. “A melhoria que eu vejo no bairro foi o nosso asfalto. Antes era estrada de chão”, comenta. Nereu salienta ainda a importância da Unidade de Saúde para o bairro, além da pista de bicicross, que, na opinião dele, valorizou muito a região. “Não vejo por que sair daqui e ir para o centro se temos tudo o que precisamos aqui no bairro”, evidencia o morador. Todavia, Ramalho diz que sente falta de espaços para os idosos, além de locais de lazer para os jovens do bairro.

Nereu Ramalho, morador do Bairro Augusto: “Não vejo por que sair daqui e ir para o centro se temos tudo o que precisamos aqui no bairro” (Foto: O Presente)

 

UM LUGAR QUE EVOLUIU

Aos 71 anos, o aposentado Valdir Pain mora há 21 no Augusto. Ele faz questão de frisar que gosta muito do bairro, local que considera ter evoluído. “Hoje o bairro tem até rede de esgoto, que é algo muito bom”, elogia.

Para Pain, a Unidade de Saúde foi uma grande conquista do bairro, trazendo para a população consultas, medicamentos e até dentista.

Valdir Pain, morador do Augusto: “Hoje o bairro tem até rede de esgoto, que é algo muito bom” (Foto: O Presente)

 

PONTO DE REFERÊNCIA

O mercado VR é de propriedade de Rosane de Fátima, que possui o comércio há 12 anos no Bairro Augusto. “É um dos comércios mais antigos e virou ponto de referência no bairro”, declara.

Segundo a empresária, a população utiliza muito seu mercado para fazer compras, o que a permitiu construir uma clientela fiel.

Empresária Rosane de Fátima: “O mercado VR é um dos comércios mais antigos e virou ponto de referência no bairro” (Foto: O Presente)

 

BOM PARA MORAR

Nadir Marshner está com 63 anos e há 13 mora no Barcelona. Ela menciona que ama morar no bairro, definindo como um lugar muito bom. “É um lugar tranquilo, muito bom mesmo. A gente gosta daqui”, ressalta. “Gostaríamos muito que tivesse uma academia da terceira idade. Até fizemos um abaixo-assinado, porque tem muitas pessoas idosas, então seria muito bom”, relata.

Nadir Marshner, moradora do Barcelona: “É um lugar tranquilo, muito bom. A gente gosta mesmo daqui” (Foto: O Presente)

 

“A RODOVIA NÃO ME INCOMODA”

Alípio Grams, que tem 80 anos e há 13 se mudou para o Barcelona, relembra que quando chegou ao bairro não havia asfalto, e após sua construção melhorou muito. “Foi uma conquista muito boa para nós”, sentencia.

Alípio enaltece, com bom humor, que só se mudará do bairro “quando for para minha casinha em Novo Três Passos, no cemitério”, brinca.

O idoso não liga para a rodovia, que passa em frente à sua casa. Ele conta que já se acostumou com o barulho dos carros e caminhões. “A BR estava ali quando eu comprei aqui, então eu sabia que teria movimento, mas não é algo que me incomoda”, pontua.

Alípio Grams, morador do Barcelona: “A BR estava ali quando eu comprei aqui, então eu sabia que teria movimento, mas não é algo que me incomoda” (Foto: O Presente)

Associação de Moradores dos bairros Augusto I, Augusto II e Barcelona (Foto: O Presente)

Pista de bicicross Max Mülling, inaugurada em setembro de 2019: espaço de lazer para as crianças (Foto: O Presente)

Campo de futebol que pertence à associação de moradores (Foto: O Presente)

Unidade Estratégia Saúde da Família do Bairro Augusto presta assistência em saúde para a população da região (Foto: O Presente)

 

O Presente

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO