Fale com a gente

Marechal Acalento ao agronegócio

Marechal Rondon decreta situação de emergência devido à estiagem

Publicado

em

(Foto: Sandro Mesquita/OP)

O prefeito de Marechal Cândido Rondon, Marcio Rauber, confirmou na manhã desta quinta-feira (06) que o município aderiu ao decreto de situação de emergência devido à estiagem. O decreto nº 10.002 foi sancionado no último dia 30 pelo governador do Paraná, Ratinho Junior.

Recentemente, líderes de diversas entidades ligadas ao setor do agronegócio estiveram reunidos com o prefeito para tratar da adesão do município ao decreto, tendo em vista a estimativa de quebra de 85% nas safras de soja e de milho em Marechal Rondon.

Com a adesão ao decreto, os produtores rurais rondonenses ficam autorizados a solicitar a prorrogação de parcelas de investimentos, como a renegociação de financiamentos com instituições bancárias, além de forçar as seguradoras a pagar os custeios da safra.

Além disso, a adesão ao decreto estadual permite que o município forneça auxílios pontuais aos produtores.

Por outro lado, uma das consequências é que o município irá arrecadar menos Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e Fundo de Participação dos Municípios (FPM) nos próximos anos.

 

APOIO

A adesão do município ao decreto estadual de situação de emergência devido à estiagem foi assinada pelas seguintes entidades:

– Instituto de Desenvolvimento Rural Iapar/Emater

– Agrícola Horizonte

– Sicredi Aliança PR/SP

– Secretaria Municipal de Assistência Social

– Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Sustentável

– Copagril

– Conselho Municipal de Desenvolvimento Agropecuário

– Sindicato Rural Patronal

– Sindicato dos Trabalhadores Rurais

– Vanderlei Carlos Moraes Transportes

– SAAE

– Secretaria Municipal de Mobilidade

– Defesa Civil Municipal

 

Com assessoria

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Facebook