Marechal

Rondonense é destaque estadual em Prêmio Sebrae Mulher de Negócios

Na cerimônia de entrega da 13ª edição do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, realizada no dia 25/09/2017, em Curitiba, seis exemplos de persistência, dedicação e superação foram reconhecidos pelo Sebrae/PR. As seis finalistas da etapa estadual representam as 232 inscritas no concurso que valoriza o empreendedorismo feminino por meio de projetos que transformam vidas e impactam positivamente na sociedade.

A jornalista Kelli Cristina Scherer foi a vencedora Bronze 2017, na Categoria Microempreendedora Individual, por seu trabalho à frente da Revista Paz, representando o município de Marechal Cândido Rondon na capital paranaense. “Foram momentos muito marcantes, em que o trabalho de mais de quatro anos com o projeto da Revista Paz foi reconhecido como algo inovador e que faz a diferença na vida das pessoas”, destaca.

Casa do Eletricista – RETOMA

O Prêmio

Para participar do Prêmio, que é gratuito, a empreendedora deve escrever um relato do seu projeto, além de responder um questionário. Após, uma banca avaliadora analisa diversos critérios, como: desafios para abrir o empreendimento; visão de futuro; ideias inovadoras e adaptação às novas tendências; atuação democrática, transparente, inspiradora e motivadora; participação ativa nos negócios, perseverança e superação dos desafios; estabelecimento de relacionamentos duradouros com os clientes; crescimento dos resultados; dentre outros.

A partir disso, as classificadas para a etapa seguinte, devem enviar todas as certidões negativas da empresa (para confirmar sua seriedade) e recebem a visita de um consultor do Sebrae, que faz uma auditoria, para verificar a veracidade de todas as informações repassadas. De acordo com Kelli, o que mais chamou a atenção no Prêmio é a seriedade na avaliação. “Em todas as etapas do processo, tive que mostrar de fato como a minha empresa funciona, destacando a minha forma de administração geral. Foi uma grande alegria ter meu trabalho reconhecido pelo Sebrae/PR, que é referência quando o assunto é empreendedorismo. Devemos acreditar no nosso negócio, ter alegria no que fazemos, trabalhar com fé e amor! Agradeço a Deus, aos meus colaboradores e a todos os anunciantes, assinantes, leitores… enfim, a todas as pessoas que acreditam na Revista Paz”, ressalta.

TOPO