Ecoville – Maior rede de limpeza
Marechal Saúde

Terceiro arrastão contra a dengue acontece neste sábado em Marechal Rondon

Secretários Marciane Specht (Saúde) e Adriano Backes (Agricultura e Política Ambiental) participaram dos trabalhos nos arrastões anteriores (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Saúde e o Setor de Epidemiologia estão fazendo uma campanha em parceria com entidades da sociedade organizada e veículos de comunicação, nos bairros, chamando a atenção da população. “A dengue mata e é responsabilidade de todos nós, não somente do município e dos órgãos públicos. Gostaríamos de parabenizar aqueles que estão colaborando, cuidando do seu quintal e do seu terreno e pedir para que mantenham a vigilância e o trabalho contínuos. E para aqueles que não perceberam a urgência coletiva voltada à dengue nós pedimos que se conscientizem, que olhem o cenário de evolução da doença e passem a fazer a sua parte. Acredito que essa é a principal solicitação que nós, do Poder Público, precisamos fazer”, destaca Marciane.

O terceiro arrastão contra a dengue será realizado neste sábado (15) e atingirá os bairros Primavera, Higienópolis I e II, São Mateus, Augusto I e II e Barcelona. Os agentes de endemias estão realizando as orientações para a população, bem como a entrega dos sacos de lixo.

Casa do eletricista PRESSURIZADORES

Até agora já foram realizados dois arrastões em Marechal Rondon (Foto: Divulgação)

 

SEPARE SEU LIXO

A secretária pede para que a população separe seu lixo para que ele seja descartado de forma correta. “Se tem galhos, que separe. Não deposite os materiais nas calçadas de forma misturada. Nós não temos como levar nas nossas caçambas se não estiver separado, até porque quem está trabalhando não tem tempo hábil para fazer essa separação em um momento de arrastão, em especial em uma quantidade dessas de bairros”, ressalta.

A ação deste sábado envolverá diversas entidades, como a Prefeitura, Câmara de Vereadores, Sindicomar, SESC, SENAC, Acimacar, Rotary Clube Guarani, Rotary Marechal Cândido Rondon, Lions Clube, Conselho da Mulher Empresária, Polícia Militar e diversos veículos de comunicação.

Conforme Marciane, a população está convidada a participar desse arrastão, denominado de “Dia D”. “Serão disponibilizados sacos de lixo e luvas para quem queira ajudar. No panorama em que estamos, não há outra solução a não ser fazer a remoção de todos esses materiais inservíveis nos locais onde o índice de infestação esteve maior. Nós podemos dizer que hoje em Marechal Rondon temos casos notificados em todos os bairros”, finaliza.

MULTAS

Toda a equipe de endemias trabalha diariamente para eliminar possíveis criadouros do mosquito. Conforme Sérgio Ratke, chefe do Setor de Endemias, em casos recorrentes são aplicadas notificações e, caso o morador do imóvel não regularize a situação em até 48 horas, é multado. O valor varia dependendo do número de focos encontrados, podendo chegar a até R$ 1709,00. Se dentro do período de um ano da primeira notificação, novamente focos forem encontrados, o valor da multa poderá dobrar.

SINTOMAS

Se você, rondonense, sentir alguns sintomas como febre alta, dores musculares intensas, dor ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas vermelhas pelo corpo, procure o mais rápido possível a unidade de saúde mais próxima de sua residência ou então a UPA 24 horas.

O Presente com assessoria

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO