Copagril
Marechal Acusado de extorsão

Vereador Adelar Neumann é preso pelo Gaeco em Marechal Rondon

Foto: Arquivo/OP

 

Foi preso ao meio-dia desta segunda-feira (04), pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), o vereador Adelar Neumann (DEM), acusado de extorsão.

Neumann, que é 1º secretário da mesa diretiva da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon, teria sido flagrado ao receber R$ 2 mil das mãos de um servidor. A prisão aconteceu no Jardim Marechal.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

Informações dão conta de que o vereador estaria cobrando espécie de mensalinho do servidor municipal em troca da nomeação do mesmo; o edil é suspeito de integrar um esquema chamado de “Rachid”, no qual aproveita o cargo que exerce para se apropriar de parte dos salários de funcionários.

O vereador, investigado por esse caso desde agosto do ano passado, foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil para prestar esclarecimentos. Neumann deve ser indiciado por extorsão e tráfico de influência.

O Ministério Público emitiu nota oficial sobre a prisão do vereador.

 

O Presente com agências

 

Fotos: Divulgação/WhatsApp

TOPO