Ecoville – Maior rede de limpeza
Marechal Biênio 2020/2021

Victor Morel será empossado hoje presidente do Conselho Comunitário de Segurança

Victor Morel: “O principal objetivo é dar respaldo às forças de segurança e seus efetivos para que tenham melhores condições de trabalho” (Foto: Joni Lang/OP)

O subtenente da reserva remunerada da Polícia Militar do Paraná (PM-PR), Victor Clemente Morel, será empossado na noite desta sexta-feira (06) presidente do Conselho Comunitário de Segurança de Marechal Cândido Rondon (Conseg) para a gestão 2020/2021. A cerimônia será realizada às 19 horas, nas dependências da Associação Comercial e Empresarial (Acimacar).

Liderada por Morel, a chapa denominada Marechal Mais Segura foi eleita por aclamação no mês de novembro, cuja diretoria conta com participação de mais 14 integrantes que representam outras entidades e associações.

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

Em entrevista ao O Presente, Morel salienta que vai dar prosseguimento às ações implantadas pela diretoria presidida por Dante Tonezer, além de aproximar a comunidade das forças de segurança, o que é uma das sugestões do regulamento do Conselho Estadual. “Procuraremos trabalhar isto intensamente, até porque muitas pessoas não sabem para que serve e que trabalho realiza o Conselho Comunitário de Segurança. Queremos promover esta aproximação através de campanhas de divulgação sobre qual o objetivo do nosso trabalho. Além disso, temos outros projetos germinando com a finalidade de contribuir com o setor de segurança pública”, destaca.

Passada a fase de implantação documental do Conseg no município, a gestão 2018/2019 deu os primeiros passos na realização de campanhas. “O presidente Dante visitou clubes de idosos e abriu a campanha dos grupos de WhatsApp chamados de ‘Vizinhos Solidários ou Vizinhos Vigilantes’. Nós vamos incrementar o que já existe e desenvolver outras campanhas”, informa Morel.

Ele comenta que inúmeros rondonenses apoiam financeiramente o Conseg por meio de contribuição na fatura de água. “Esta contribuição voluntária existe e pode ser melhorada, pois através dela foi possível beneficiar o trabalho das forças de segurança no município. Sem ajuda o Conseg não sobrevive. Outra questão é que o Estado não consegue suprir todas as necessidades das polícias, mas, ao ser ajudado pelos cidadãos, o Conseg pode apoiá-las. O principal objetivo do conselho é dar respaldo às forças de segurança e seus efetivos para que tenham melhores condições de trabalho”, enfatiza.

Enquanto policial militar da reserva remunerada (aposentado), Morel ressalta ser conhecedor das necessidades pelas quais as forças de segurança passam. “É humanamente impossível cobrir toda demanda de efetivo, mas no lado funcional, através de melhorias nas viaturas ou nas instalações dos órgãos, nossa equipe vai procurar suprir, sempre atuando com transparência”, enaltece o novo presidente.

 

REORGANIZAÇÃO

Dante Tonezer, presidente do Conseg no biênio 2018/2019, lembra que a entidade foi criada em 30 de maio de 1989 e por anos desempenhou trabalho a favor da comunidade rondonense, no entanto ficou inativa por um tempo considerável, tendo sido reativada no ano passado. “Naquela época foram prestados bons serviços à sociedade rondonense pelas diretorias através dos mecanismos existentes. A partir da reativação, nós formamos a diretoria e reorganizamos o novo Conseg. Obtivemos autorização do Governo do Estado para nos adequar, então em conjunto iniciamos o processo de reorganização do Conseg em respeito às leis vigentes”, expõe.

“Tivemos apoio da administração municipal, na pessoa do prefeito Marcio Rauber, e suporte da Secretaria de Mobilidade Urbana, bem como ajuda de muitos cidadãos. Formalizamos parceria com a Acimacar e obtivemos ajuda da Câmara e do Saae. A partir do apoio dos cidadãos, suprimos algumas necessidades das forças de segurança do município e atuamos integrados com a PM, Polícia Civil, Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) e polícias rodoviárias Estadual e Federal. Fizemos o trabalho que foi possível nessa fase de reestruturação do Conseg no município”, pontua Tonezer.

 

DIRETORIA 2020/2021

Presidente: Victor Morel

Vice-presidente: Guilherme von Borstel

1ª secretária: Adriane Kappes Vorpagel

2º secretário: Edson de Moura

1ª tesoureira: Mirta Steinmacher

2ª tesoureira: Rosi Sommer

Conselho Fiscal: Grasielly von Borstel, Alcivando de Andrade e Ricardo Leites de Oliveira

Conselho Deliberativo: Almeri Busatta, Dante Tonezer e Eliseu dos Reis (Tadeu)

Conselho de Ética e Disciplina: Ubirati Gheller, Pedro Hohmann e Júnior Wideck

 

Presidente gestão 2018/2019, Dante Tonezer: “A partir do apoio dos cidadãos, suprimos algumas necessidades das forças de segurança do município e atuamos integrados com a PM, Polícia Civil, Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) e polícias rodoviárias Estadual e Federal” (Foto: Joni Lang/OP)

 

O Presente

TOPO