Pref. MCR – OktoberFest MCR 2019
Municípios Moradores preocupados

Barragem do Lago Municipal de Cascavel não oferece risco, garantem autoridades

Encontro discutiu o tema na manhã desta quarta-feira (30) (Foto: Divulgação)

Representantes do Conselho Municipal do Meio Ambiente de Cascavel se reuniram na manhã desta quarta-feira (30) para tratar sobre as barragens no Município, em especial a do Lago Municipal de Cascavel – Parque Ecológico Paulo Gorski.

Participaram do encontro 4ª Coordenadoria Regional de Defesa Civil, o Secretário Municipal do Meio-Ambiente, Sr. Wagner Yonegura, Gestor Ambiental da Secretaria do Meio-Ambiente, Sr. José Luiz Ferreira e o Analista de Águas da Sanepar, Sr. Luiz Antonio Lopes juntamente com o Capitão Murilo Sinque de Paula, o qual esta representando a Coordenadoria Regional de Proteção e Defesa Civil.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

De acordo com o grupo, a reunião foi para esclarecer a classificação de risco para a barragem do Lago divulgada pela Agência Nacional das Águas.

O documento de 2017 classificou o lago com barragem de alto risco, porém verificou-se que na época faltava o Plano de Ação de Emergência.

De acordo com o Capitão Sinque, que representa a Coordenadoria Regional de Proteção e Defesa Civil a planilha e os documentos, não demostram com clareza a situação. “A barragem não apresenta nenhum perigo iminente de ruptura, rachaduras ou qualquer patologia”.

O Município de Cascavel foi notificado quanto a necessidade de elaborar este Plano de Ação de Emergência somente no dia 20 de Dezembro de 2018 (Data de Emissão do Ofício) pela águas Paraná, e que após os recessos de fim de ano foi recebido, onde todas as providências estão sendo realizadas pelos órgãos municipais e Estaduais, a fim de atender a exigência do Instituto águas Paraná. O prazo estipulado pelo Instituto foi de 24 meses, justamente por não haver risco iminente ou qualquer patologia na estrutura da barragem do Lago.

 

Com Catve.com 

TOPO