Copagril – Sou agro com orgulho
Municípios Pulseira obrigatória

Medida de prevenção à Covid-19 adotada em Nova Santa Rosa ganha repercussão nacional

Pulseira vermelha será utilizada nos pacientes confirmados de Covid-19 e a pulseira verde para os contatos (Foto: Divulgação)

Uma medida adotada pela Secretaria de Saúde da Prefeitura de Nova Santa Rosa ganhou repercussão nacional neste fim de semana.

A ação vem sendo noticiada em vários portais de relevância do país.

Casa do Eletricista – BOBCAT

Na página do UOL Notícias no Facebook, por exemplo, havia, até a manhã deste domingo (28), mais de 11,4 mil curtidas, 2,3 mil compartilhamentos e 1,9 mil comentários.

Enquanto muitos elogiaram a medida para conter o avanço da Covid-19, outros criticaram e compararam com o nazismo. Além disso, lembraram que há casos assintomáticos que também transmitem a doença.

A medida em questão é a obrigatoriedade, desde sexta-feira (26), do uso de pulseiras de identificação dos pacientes suspeitos e infectados pelo vírus da Covid-19 e também dos seus contatos.

A ação foi tomada, de acordo com a prefeitura, considerando a importância da colaboração da população quanto aos cuidados dos casos suspeitos e confirmados de Covid-19.

O protocolo tem como finalidade a implementação da utilização de uma pulseira identificativa com escrita “isolamento” com a logomarca do município de Nova Santa Rosa.

O paciente receberá a pulseira no momento em que assina o termo de isolamento, por meio do qual o mesmo recebe as orientações necessárias sobre o período em que estará isolado, juntamente com os seus contatos.

A pulseira vermelha será utilizada nos pacientes confirmados de Covid-19 e a pulseira verde para os contatos.

Os contatos receberão a visita da agente comunitária de saúde (ACS) responsável pelo monitoramento, que fixará a pulseira em todos os contatos.

Em caso de descumprimento da regra com a retirada da pulseira, ou a localização de munícipes que devem estar em isolamento estarem furando o mesmo, será feito o encaminhamento ao Ministério Público, e estes poderão responder por crime contra a saúde pública, considerando o disposto no artigo 267, da lei nº 8.072, de 25 de julho de 1990.

 

A pulseira vermelha será utilizada nos pacientes confirmados de Covid-19 e a pulseira verde para os contatos (Foto: Divulgação)

 

Casos

Segundo o último boletim epidemiológico publicado pela prefeitura na sexta-feira, o município tem 15 casos ativos de Covid-19 e outros 45 à espera do resultado do exame. Ao todo, desde o início da
pandemia, são 366 casos confirmados.

 

O Presente

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO