Municípios Sete prioridades

Oeste em Desenvolvimento apresenta plano de ações para 2020

Reunião teve a participação de representantes de instituições privadas, autoridades e militares (Foto: Divulgação)

O Programa Oeste em Desenvolvimento realizou sua última reunião do Conselho Administrativo (Consad/POD) do ano, na semana passada, ocasião em que o presidente do POD, Danilo Vendruscolo, o 1º vice-presidente, Elias José Zydek, e o 2º vice-presidente, Rainer Zielasko, apresentaram as demandas e ações prioritárias de infraestrutura e logística do Oeste do Paraná ao Governo do Estado, representado no encontro pelo secretário de Planejamento e Projetos Estruturantes do Paraná, Valdemar Bernardo Jorge.

A reunião foi conduzida pelo presidente do POD, que destacou as conquistas obtidas pelo programa em 2019 e agradeceu o secretário pelo empenho e apoio que o Governo do Estado deu ao Oeste do Paraná neste ano. “O objetivo do programa é pensar a médio e longo prazo, e o governo também está nessa direção, o que nos deixa entusiasmados”, enalteceu.

Casa do Eletricista – NÃO PAGUE AR

Vendruscolo aproveitou a oportunidade para agradecer o governo estadual pelo anúncio do uso dos recursos advindos dos acordos de leniência das concessionárias do pedágio do Paraná para a construção do Trevo Cataratas, em Cascavel, uma obra que, segundo ele, trará grandes benefícios não apenas para Cascavel e municípios de seu entorno, mas também para toda a região.

O 1º vice-presidente do POD ressaltou que uma das principais demandas do Oeste e de todo o Estado em 2019 – tornar o Paraná área livre de aftosa sem vacinação – foi atendida pelo governo estadual, o que nos próximos anos garantirá uma ampliação exponencial de recursos adicionais ao Oeste, beneficiando a economia e todas as cidades da região.

Por sua vez, o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla, apresentou o projeto executivo da duplicação dos 8,7 quilômetros da BR-469, com valor previsto de R$ 118 milhões, e o projeto das trincheiras da Rua Theodoro Risden com a BR-277 (próximo ao Hotel Rafain Palace) e da Avenida Garibaldi com a BR-277 (CTG Charrua), com valor estimado de R$ 25 milhões.

O presidente do Sindicato Rural de Toledo, Nelson Paludo, apresentou dados sobre a produção agropecuária da região e falou sobre a importância de diminuir o custo logístico do Oeste para que o setor produtivo regional deixe de ser penalizado.

 

PLANO PARA 2020

Vendruscolo apresentou o plano de ações do POD para 2020, que foi elaborado a partir de sete prioridades: 1) logística, 2) sanidade agropecuária, 3) Sistema Regional de Inovação – SRI, 4) Plano Energético do Oeste, 5) sustentabilidade ambiental, 6) educação e 7) pequenos negócios.

 

RECONHECIMENTO

O deputado estadual Marcelo Micheletto enfatizou que o POD tem grande reconhecimento em todo o Paraná e que muitos deputados e autoridades têm destacado o trabalho de articulação e planejamento que o programa tem realizado. “Eu tenho orgulho de fazer parte do POD e das discussões que são realizadas, pois o governo estadual sabe que quando pisa no Oeste as demandas são concretas e embasadas pela sociedade organizada”, declarou.

 

PRODUTIVA

Para o secretário Valdemar Bernardo Jorge, a reunião do POD foi produtiva. Ele destacou a importância de tantas instituições de peso estarem engajadas em transformar o Oeste do Paraná em um lugar melhor e salientou que o programa tem se tornado referência para outras regiões do Estado e do país que sonham em ter iniciativas similares.

Ele lembrou também que todas as demandas apresentadas pelo POD têm sido acompanhadas e atendidas por sua equipe desde o início do ano, e que as demandas apresentadas na reunião também serão incluídas no plano de trabalho da Secretaria.

Por fim, o presidente do POD disse que acredita que o Programa Oeste em Desenvolvimento está no caminho certo e que em 2020 muitas novas conquistas estão por vir.

 

Com assessoria

TOPO