Copagril
Municípios Amor em Fios Kids

Projeto busca “colorir” a cabeça das crianças com câncer

Perucas de lã, lenços e outros materiais de contato agradáveis produzidas por voluntários em Cascavel (Fotos: Divulgação)
  • Fotos: Divulgação

Uma forma diferente de resgatar a autoestima e devolver parte da infância tomada pelo tratamento durante o longo e doloroso tempo que passam no hospital lutando pela vida. Essas são algumas das propostas do Projeto Amor em Fios Kids, que quer colorir a cabeça das crianças com câncer. A ideia é transformar esses guerreiros em princesas dos contos de fada.

Uma equipe de voluntárias de Cascavel, coordenadas por Marinês Sarolli Parzianello e Neiva Spada, com apoio de Shirlei, fazem perucas de lã, lenços e outros materiais de contato agradáveis, que visam minimizar o impacto da doença no cotidiano da criança e no seu desenvolvimento psicossocial futuro.

Casa do Eletricista folha LORENZETTI

A partir de uma iniciativa desenvolvida no Alasca pelo projeto Magic Yam, que faz perucas coloridas, de lã, que lembram princesas da Disney, Simone Sarolli Braga Côrtes, paciente de câncer por duas vezes e palestrante, inspirou-se na ação, trouxe a ideia e já tem várias perucas prontas, e detalhe: já são ainda mais personagens, como as pequenas camponesas, e até opções para meninos.

Para apresentar o projeto e envolver a sociedade nessa linda proposta, Simone organiza um desfile com pequenos artistas, voluntários e até alguns pacientes. Será amanhã (11), na Associação Comercial (Acic), às 09 horas, com a participação da imprensa para ajudar na divulgação e na participação de quem queira ajudar, seja doando material seja na confecção das perucas.

“Nossa missão é trazer a magia para as vidas das crianças que lutam contra o câncer e inspirar o voluntariado a fazer a diferença”, diz Simone. “São perucas confortáveis, quentes, macias, bonitas, coloridas, feitas com fios mágicos que convidam as crianças a voltarem ao mundo das brincadeiras durante tempos assustadores”.

 

AS PERUCAS

A ideia prevê a confecção de perucas mais confortáveis e coloridas que as tradicionais, feitas com cabelos. São feitas em lã e crochê, que se ajustam confortavelmente na cabeça das crianças e ajudam a esquentar nos dias mais frios, e, pensando no nosso clima mais tropical, também foram feitos modelos com lenços, em estilo camponesa, todas belas e de muita magia.

As perucas são feitas em diferentes tamanhos para atender a todas as crianças. A ideia, conta Simone, é reunir o maior número possível de voluntários para ajudar na confecção e na doação dos materiais, como lenços, lã e linhas diversas usadas na produção. Tudo isso será explicado em detalhes na apresentação desta sexta-feira, inclusive com a apresentação de várias peças já produzidas aqui, prontas para serem doadas.

 

PROJETO AMOR EM FIOS

O Projeto Amor em Fios Kids nasceu a partir da necessidade que se viu para atender ao público infanto-juvenil que passa por difíceis tratamentos contra o câncer e, nesse processo, perdem os cabelos e, consequentemente, a autoestima baixa. A diferença dessa proposta é que essas perucas são coloridas, divertidas, remetendo ao mundo mágico.

Ele é um “braço” do Projeto Amor em Fios que surgiu há três anos por iniciativa da Simone Braga Côrtes, que começou a angariar cabelos doados para fazer perucas. Simone conhece bem a realidade. Ela já passou duas vezes pelo tratamento contra o câncer e sabe como é essa dor específica, de perder os cabelos. Além disso, as perucas feitas com cabelo são caras e muitas pacientes não conseguem comprar nem sequer um lenço.

Simone lembra ainda que algumas mulheres não se adaptam à peruca e preferem os lenços ou turbantes. Por isso, o projeto também inclui a doação desses acessórios. Durante esse tempo, Simone já conseguiu abrir oito bancos de perucas por todo o Paraná e fora dele, que agora chegou ao Rio de Janeiro.

 

AJUDA DA COMUNIDADE

Para que os projetos continuem, Simone conta com a ajuda da comunidade, seja na doação de cabelos e de outros materiais, como lenços e tecidos (malha e malha fria). Já para as crianças, os produtos exigem lãs antialérgicas e anbitolinhas, nas cores vermelha, amarela, azul bebê, marrom caramelo, branco, lilás, preto e rosa, e fitas de cetim números 3 e cinco nessas cores. Os produtos doados podem ser entregues na Irene Linhas e na Casa York, onde também podem ser comprados os produtos; e os lenços e os cabelos no Provopar, na New York School, na Catve e na TV Tarobá. Também podem ser entregues para Simone (45) 99916-9716, Marinês (45) 99973-3665 e Neiva (45) 3038-4451.

Além disso, toda ajuda de mão de obra é bem-vinda, seja para confeccionar as perucas de cabelo e dos lenços, como fazer as perucas coloridas de crochê.

Mais informações pelo email projetoamoremfios@gmail.com.

 

TOPO