Copagril
Municípios 24 Horas

Pronto Atendimento completa três anos de funcionamento em Maripá

Foto: Camila Angst/Assessoria

O Pronto Atendimento (PA) 24 horas de Maripá completa, nesta quinta-feira (15), três anos de funcionamento, atuando como mediador entre as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e os hospitais, a fim de garantir atendimento objetivo, resolutivo e qualificado perante as urgências e emergências.

Durante este período, a unidade realizou aproximadamente 17.500 atendimentos de acordo com dados da Secretaria de Saúde. O atendimento aos pacientes segue um protocolo de classificação de risco, ordenando-os conforme o nível de gravidade dos sintomas. Deste total, 1,2% foram casos de emergência (vermelho), que requer atendimento imediato); 2% muito urgente (laranja), com atendimento em até 10 minutos; 8,4% urgente (amarelo), com atendimento de até 60 minutos; 54,6% pouco urgente (verde) e 33,6% não urgente (azul).

Casa do Eletricista PISCINAS

“A grande vantagem desta triagem é separar os casos verdadeiramente urgentes dos não urgentes e garantir o atendimento prioritário dos casos mais graves como acidentes, ferimentos por arma branca e de fogo, queimaduras, acidentes vasculares cerebrais (AVC), infarto, dor no peito, falta de ar, pressão alta, febre alta entre outros. Desta forma, temos conseguido atuar em tempo oportuno, evitando sequelas ou óbitos”, explica a secretária de Saúde, Andréia Bento Maria Scudeller.

Ela destaca ainda que os pacientes triados nas classificações de risco como não urgente e pouco urgente, que representam a maior parte dos atendimentos, poderiam ter sido atendidos em alguma Unidade Básica de Saúde. “Como são casos de menor complexidade e sem problemas recentes, o paciente pode ser assistido no consultório médico em uma UBS”, explica.

 

Equipe capacitada

A equipe de saúde é formada por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e motoristas, disponíveis 24 horas por dia e em 7 dias da semana. A equipe passa por constantes capacitações para se manter atualizada e garantir um atendimento humanizado e de qualidade.

No mês de junho, por exemplo, profissionais de enfermagem, médicos e motoristas das Unidades de Saúde de Maripá participaram do treinamento de Atendimento Pré-hospitalar Avançado (APH). A capacitação foi realizada em parceria com o Corpo de Bombeiros de Palotina e envolveu cerca de 30 profissionais.

O Pronto Atendimento 24 horas atua também como retaguarda para serviços de laboratório, exames de imagens e ambulância, auxiliando e dando mais segurança aos diagnósticos médicos.

 

Com assessoria

TOPO