Copagril
Municípios Futuro político

“Se tiver a oportunidade em ser candidato a deputado, por que não?”, diz prefeito de Maripá

Prefeito de Maripá, Anderson Bento Maria, concedeu entrevista ao O Presente Digital, ocasião em que revelou estar à disposição para uma eventual candidatura a deputado estadual (Foto: Reprodução)

O prefeito de Maripá, Anderson Bento Maria (PPS), concedeu entrevista ao O Presente Digital, ocasião em que fez uma avaliação deste ano. De acordo com ele, durante sua gestão o município sempre procurou se antecipar na elaboração de projetos e busca de investimentos em Curitiba.

Para isso, conforme o gestor, primou pelo diálogo com lideranças políticas e com o Governo do Estado, além da parceria com a Itaipu. “Foi um ano muito positivo e de muito trabalho. Estamos realizando em torno de 25 a 26 obras no ano de 2019, sempre de forma muito equilibrada, distribuída na sede e no interior e dentro das secretarias municipais”, pontua.

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

Para 2020, o prefeito menciona que devido a essa antecipação na elaboração dos projetos já existem em torno de dez prontos que podem ser iniciados no começo do próximo ano.

Na entrevista, ele citou algumas obras que devem sair do papel, como novos trechos de pavimentação rural, ampliação do Centro Cultural, investimento na área de lazer, recape de ruas, aquisição de equipamentos para o parque de máquinas, dentre outros.

 

Eleição 2020

Se a eleição de 2016 já foi um desafio por ter apenas 45 dias de duração, a de 2020 será novamente desafiadora ao considerar que não será possível formar coligação na proporcional. Conforme Bento Maria, o novo formato faz com que os partidos se reorganizem. “Principalmente nas pequenas cidades vamos ter que concentrar as candidaturas a vereadores em dois a três partidos”, opina.

Dentre nomes de pré-candidatos a prefeito do grupo de situação, o gestor maripaense menciona que estão os secretários Rodrigo Schanoski (Administração) e Janaína Müller Geraldi (Educação) e o vereador Euclides Kreutz. “Eles já se colocaram à disposição para participar do pleito eleitoral do ano que vem, assim como poderemos compor com outros nomes”, revela.

 

Futuro político

Questionado se em 2020 encerra a carreira política, o prefeito diz acreditar que não. “Peguei gosto, gosto do que faço e me dedico muito. Quem me conhece sabe disso. Aprendo constantemente e não tenho vergonha em dizer o quanto tenho aprendido ao longo destes sete anos. Acredito que posso continuar contribuindo com a nossa região”, respondeu, acrescentando: “Se tiver a oportunidade (em ser candidato a deputado), por que não?”, pergunta.

A entrevista completa pode ser assistida em www.opresente.com.br.

 

 

 

 

O Presente

TOPO