Política

2018 começa com foco no planejamento, diz prefeito em exercício de Quatro Pontes

Prefeito em exercício em Quatro Pontes, Tiago Hansel: “Ano passado foi melhor que imaginávamos na liberação de recursos, então estamos com uma boa previsão com um bom orçamento, de R$ 22,9 milhões, e assim como 2017 esse ano deve andar da mesma forma” (Foto: Mirely Weirich/OP)

À frente dos trabalhos do Executivo municipal de Quatro Pontes desde o dia 02 de janeiro, o prefeito em exercício, Tiago Hansel, afirma que o foco desses primeiros 15 dias de trabalho está no planejamento para 2018.

Apesar de a prefeitura voltar com o atendimento ao público apenas no próximo dia 17, Hansel ressalta que a porta lateral do paço municipal está aberta e setores essenciais como o Bloco do Produtor Rural e as secretarias de Saúde e Viação e Obras estão atendendo normalmente. “A parte financeira e administrativa está com os trabalhos internos e parte da equipe em férias coletivas”, explica.

 

 

 

Segundo ele, esta primeira quinzena de 2018 será focada no planejamento para os próximos 12 meses e, na primeira semana, os trabalhos já iniciaram com avaliação do orçamento e conversas com os secretários de cada pasta.

“Para mim esse período é muito bom porque também estou à frente da pasta de Administração, então faço esse planejamento tanto como prefeito em exercício quanto como secretário”, declara.

 

Na prática

De acordo com o prefeito em exercício, alguns deputados já começaram a sinalizar as documentações necessárias para os recursos que foram liberados no fim de 2017. “Estamos trabalhando mais na parte burocrática de alguns processos que estão sendo feitos e a questão estrutural de planejamento”, reforça.

Dentre os vários recursos aprovados no fim do ano passado, tanto em nível de Estado, mas especialmente na esfera federal, Hansel destaca um trator e uma máquina de silagem que deverão ser entregues nos próximos dias, além do recurso para a construção da nova creche e os valores para a compra dos carros licitados no ano passado.

“Assinamos a ordem de serviço com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) de pouco mais de R$ 1,8 milhão para o sistema de água do município. Isso é algo que vinha sendo trabalhado há anos, estava travado e agora conseguimos liberar. A ordem já foi feita e a obra deve começar nesse mês”, comemora.

Outras novidades para os munícipes quatro-pontenses estão voltadas para a licitação da construção da capela mortuária, a continuidade do parcelamento do solo para as casas do condomínio social, que já está com a licitação em aberto e é a última etapa antes da construção, que ainda demandará a licitação para a definição da construtora, bem como a entrega da van para a área da saúde.

“Todos esses recursos estão liberados e fechados, mas dentro da prefeitura ainda tem serviço burocrático para acontecer”, ressalta. “Todos os recursos que tínhamos, principalmente de fim de ano, estamos deixando em dia. Enviamos alguns projetos para a Câmara de Vereadores e também estamos andando com a documentação para abrir dotação para uma parceria com a Itaipu Binacional, de R$ 4,5 milhões”, complementa.

A municipalidade também está em andamento com um concurso público, que teve licitação aberta em dezembro. Com a empresa vencedora definida, o edital também deverá ser publicado logo neste início de ano.

 

Perspectivas

Frente ao período eleitoral e as mudanças em nível estadual e federal que devem acontecer a partir deste ano, Hansel avalia ser essencial a definição de planejamento logo nas primeiras semanas de trabalho no Executivo municipal.

 “Em quatro meses os trabalhos em nível estadual e federal começam a parar, então nesses seis primeiros meses precisamos ter um gás maior para trabalhar, buscar recursos, para depois podermos executar”, enfatiza.

Ele pontua que a administração de Quatro Pontes está bastante animada para 2018, tendo em vista que o ano passado mostrou-se melhor do que o planejado. “Ano passado foi melhor que imaginávamos na liberação de recursos, então estamos com uma boa previsão com um bom orçamento, de R$ 22,9 milhões, e assim como 2017 esse ano deve andar da mesma forma”, acredita.

 

 

Mais jovem do oeste

Aos 29 anos, Tiago Hansel segue fazendo história. Ele é o prefeito em exercício mais jovem da história de Quatro Pontes e também entre os prefeitos dos 53 municípios da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop).

Como vice-prefeito, Hansel tem este mesmo destaque tanto no município quanto na entidade oestina e enquanto atuou como vereador, entre 2012 e 2016, também foi o mais jovem legislador eleito entre os municípios da Amop, na época com 24 anos.