Ford/Abradif/Rodovel
Paraná Economia

Brics compra 34,5% das exportações do Paraná

Autoridades dos cinco países se reúnem no Paraná entre quarta-feira (13) e sexta-feira (15) (Foto: Divulgação/Prefeitura de Curitiba)

Curitiba é a cidade-sede da primeira reunião do Brics em 2019. A abertura oficial do encontro ocorreu na noite de quarta-feira (13). O encontro traz ao Paraná ministros e diplomatas responsáveis pelos acordos entre Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

O evento é preparatório para a 11ª Cúpula do bloco econômico que será realizada em Brasília, em novembro deste ano. “Muito importante para o Paraná sediar esta reunião. É uma boa oportunidade para mostrarmos nosso potencial de comércio internacional e expandir as vendas”, destaca o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Atualmente, 30,7% das exportações do Brasil seguem para os demais países do bloco. Em relação ao Paraná, o grupo absorve 34,5% das vendas externas totais do Estado (US$ 20,040 bilhões), com negócios que somam US$ 6,918 bilhões. O montante foi registrado em 2018 e é 121% maior do que em 2010 (US$ 3,127 bilhões).

Em oito anos, as importações dos quatro países para o Paraná avançaram 12%, passando de US$ 2,573 bilhões para US$ 2,892 bilhões. O valor equivale a 23,3% do total comprado pelo Estado do exterior no último ano (US$ 12,370 bilhões).

No ano passado, o saldo entre exportações e importações foi de US$ 4,025 bilhões, um aumento de 625,7% sobre os US$ 553,3 milhões registrados em 2010. O forte incremento nas vendas externas foi impulsionado pela China, maior destino das exportações paranaenses. As exportações totais do Brasil para os cinco países passaram de US$ 49 bilhões em 2001 para US$ 3,2 trilhões em 2017 – crescimento de 6.500%, conforme destaca o Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

 

Reuniões de trabalho serão no Barigui

Na noite desta quarta, aconteceu a abertura oficial da 1ª Reunião do Brics 2019, com solenidade no Memorial de Curitiba. O evento contou com a presença do governador Ratinho Jr, do prefeito Rafael Greca e de diplomatas e representantes de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. O encontro é preparatório para a XI Cúpula de presidentes, que será realizada em Brasília em novembro deste ano. A recepção aos convidados teve uma apresentação da Camerata Antíqua de Curitiba.

“Reunidos, os países do Brics representam um quarto da economia global”, diz o prefeito. “A relevância geopolítica e econômica é evidente. Os países ocupam 24% da área terrestre do planeta e abrigam 53% da população mundial.” As reuniões preparatórias para a cúpula são fundamentais para os países estabelecerem suas prioridades e ações conjuntas.

Trata-se do mais importante evento diplomático realizado em Curitiba desde 2006, quando a cidade recebeu encontro mundial de meio ambiente da Organização das Nações Unidas (ONU). As reuniões de trabalho das autoridades participantes, voltadas a discutir assuntos em comum, ocorrerem desde ontem (13) no Salão de Atos do Parque Barigui.

 

Com Bem Paraná 

TOPO