Fale com a gente

Paraná Mais Merenda

Com investimento de R$ 78 milhões, Fundepar entrega nova remessa de alimentos às escolas

Serão distribuídos aproximadamente 4 milhões de quilos

Publicado

em

(Foto: Karina Audrey/Fundepar)

O Governo do Paraná, por meio do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar), realiza nesta semana a entrega da segunda remessa da alimentação escolar de 2024. Serão distribuídos aproximadamente 4 milhões de quilos. São itens como açúcar, açúcar demerara, arroz polido, arroz parboilizado, alho em pasta, arroz orgânico, feijão carioca, feijão preto, macarrão, café, molho de tomate, biscoitos, cereal de milho, leite em pó, manteiga, composto lácteo, sal, tempero, canjiquinha, farinha de mandioca, farinha de milho, suco integral e óleo de milho.

O investimento nessa remessa é de R$ 78,3 milhões e conta com alimentos perecíveis e não-perecíveis, que serão utilizados no preparo das refeições servidas no intervalo ou almoço dentro do Mais Merenda, programa estadual instituído no segundo semestre de 2022 em toda a rede que garante três refeições por turno, acrescentando um lanche na entrada e outro na saída.

As escolas recebem cinco remessas de alimentos por ano para garantir uma alimentação saudável e de qualidade para os estudantes. Há também distribuições periódica de itens perecíveis, como carnes congeladas, pães, ovos, frutas e itens da agricultura familiar.

Segundo Andrea Regina Burakoski da Cunha, da Coordenação de Logística e Monitoramento da Alimentação do Fundepar, os itens garantem o preparo de refeições do primeiro até o último dia de aula dos alunos. “100% das escolas estaduais são atendidas pelo programa”, afirmou.

Segundo a diretora-presidente do Fundepar, Eliane Teruel Carmona, a remessa de alimentos fornece uma alimentação equilibrada para os alunos do período regular, integral e do contraturno. “O Mais Merenda é um programa de destaque nacional, não só no Brasil, mas também em outros países. Isso porque contamos com três refeições por turno para os alunos. Na entrada, intervalo e saída”, comentou a diretora-presidente do Fundepar.

Os gêneros alimentícios não perecíveis – a chamada merenda seca – são entregues pelos fornecedores na unidade armazenadora do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-PR), em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Os produtos são separados, pesados e acondicionados de acordo com o padrão de armazenagem e identificados por escolas, seguindo as guias de remessa emitidas pelo Fundepar, para então serem distribuídos. O controle de qualidade também tem a participação do Tecpar.

Com Agência de Notícias do Estado do Paraná

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Copyright © 2017 O Presente