Copagril – Sou agro com orgulho
Paraná Internada

Criança é levada de helicóptero a hospital após ser picada por escorpião em escola

Fotos: Reprodução/RPC TV

Uma menina, de dez anos, foi internada após ser picada por um escorpião, na manhã de sexta-feira (06), na Escola Municipal Professor Elias Abrahão, em Lobato, no Norte do Paraná.

A criança estava na aula de Educação Física quando foi ajudar o professor a pegar um material e levou a picada. Ela precisou ser socorrida de helicóptero e foi encaminhada para o Hospital Universitário de Maringá.

Casa do Eletricista – BOBCAT

O escorpião foi capturado logo após o ocorrido, segundo a diretora Ataise Cristina. “As faxineiras sempre dão uma geral, mas eu noto que se está calor ou alguém corta a grama na vizinhança e deixam entulho muito grande eles (escorpiões) vêm para a escola”, disse ela.

Em pouco mais de um mês, esse foi o segundo ataque de escorpião registrado na escola. O outro caso foi em 30 de julho, quando um menino, de quatro anos, foi picado nas costas dentro da brinquedoteca. Ele também foi levado para o hospital e está bem.

Conforme a diretoria, pouco mais de 400 estudantes dos ensinos fundamental e infantil estudam na escola, que fica no limite com a zona rural do município.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, em Lobato, foram seis pessoas picadas este ano. De acordo com o chefe da vigilância sanitária Álvaro Pereira Gil Cordão, essa escola chegou a ser dedetizada.

Na sexta-feira, os agentes do controle de endemias fizeram mais uma vistoria no pátio e próximo à quadra de esportes. “Nós fizemos um arrastão na escola para eliminar o alimento que seria do escorpião, como a barata e o grilo. O que a gente espera é que não aconteça mais isso”, afirmou Cordão.

Segundo a secretaria ainda, de janeiro até agosto, 459 pessoas foram picadas por escorpião na região de Maringá. Em todo o ano passado, foram 770.

Neste ano no Paraná, são 1.664 casos, enquanto em 2018, foram mais de 3.317.

 

Com RPC TV

 

 

TOPO