Fale com a gente

Paraná Solidariedade

Portos do Paraná e comunidade portuária vão doar R$ 875 mil para vítimas do RS

A iniciativa da Portos do Paraná uniu, ao todo, 17 empresas, sindicatos, cooperativas e outros órgãos que atuam nos portos paranaenses que, com apoio do Ministério de Portos e Aeroportos (MPOR), farão doações para compra de acordo com a necessidade do estado vizinho.

Publicado

em

(Foto: Mauricio Tonetto / Secom)

A comunidade portuária que atua nos portos do Paraná vai doar R$ 875 mil para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. A iniciativa da Portos do Paraná uniu, ao todo, 17 empresas, sindicatos, cooperativas e outros órgãos que atuam nos portos paranaenses que, com apoio do Ministério de Portos e Aeroportos (MPOR), farão doações para compra de acordo com a necessidade do estado vizinho.

“Esta é uma ação genuína em prol dos nossos irmãos do Rio Grande do Sul, algo extremamente necessário pois qualquer um de nós poderia estar passando pela mesma situação. Além disso, as doações refletem a missão da Portos do Paraná que é a de zelar pelo bem das nossas comunidades”, enfatizou o diretor-presidente da empresa pública, Luiz Fernando Garcia.

Para agilizar a compra dos materiais foi criado uma espécie de fundo virtual e as empresas serão responsáveis por administrar os valores, comprar e definir a logística de entregas. Assim, com a indicação do MPOR em relação aos materiais e quantidades necessárias, as empresas farão a aquisição.

“A Portos do Paraná mobilizou a comunidade portuária, que prontamente aceitou participar desta ação humanitária em prol das milhares de vítimas da tragédia vivida no Rio Grande do Sul. Agora, em conjunto com as empresas e com o Ministério de Portos e Aeroportos estamos planejando todo o processo logístico para entrega das doações”, destacou o secretário geral da Presidência da Portos do Paraná, Felipe Gama.

As doações foram feitas por diferentes setores com atividades no complexo portuário de Paranaguá e Antonina:

Agrária (Cooperativa Agrária Agroindustrial);

Cargill;

Cattalini Terminais Marítimos S.A.;

Centro Sul Serviços Marítimos;

Cotriguaçu (Cooperativa Central Regional Iguaçu);

Engine Brasil;

FTSpar;

Grupo Interalli;

Harbor Operações Portuárias;

Liquipar Operações Portuárias;

PASA Operações Portuárias;

Portos do Paraná;

Rocha Terminais Portuários e Logística;

Sindapar (Sindicato das Agências de Navegação Marítima do Estado do Paraná);

Sinprapar (Sindicato dos Práticos dos Portos e Terminais Marítimos do Estado do Paraná);

Terin Terminais Inteligentes;

Tucumann Engenharia e Empreendimentos;

CORRIDA

Do valor total que será doado às vítimas das chuvas, R$ 75 mil foram arrecadados com a abertura do lote extra especificamente para este fim, com mais 500 inscrições, para a Corrida do Porto. O primeiro lote de 1.500 inscrições também tem cunho beneficente, uma vez que todo o valor será revertido em cestas básicas para família de baixa renda do litoral paranaense. O evento é o único no mundo a ser realizado dentro do cais de um porto e acontecerá no dia nove de junho. São três modalidades: caminhada, 5 e 10 quilômetros.

Com Agência de Notícias do Estado do Paraná

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Copyright © 2017 O Presente