Fale com a gente

Paraná Segurança pública

Provas do concurso para perito criminal serão realizadas domingo em três cidades

No total são oferecidas 30 vagas distribuídas em todo o Paraná, e os aprovados vão fazer parte do Quadro Próprio dos Peritos Oficiais

Publicado

em

(Foto: PCPR)

As provas do concurso para perito oficial criminal do Paraná serão realizadas neste domingo (21) em Curitiba, Londrina e Cascavel. A primeira fase é composta pelas provas objetiva e discursiva. No total são oferecidas 30 vagas distribuídas em todo o Paraná, e os aprovados vão fazer parte do Quadro Próprio dos Peritos Oficiais (QPPO). Os locais já estão disponíveis e podem ser verificados AQUI.

Os candidatos deverão levar documento original de identificação com foto, caneta esferográfica de tinta azul ou preta e cartão de convocação. Os portões serão abertos às 12 horas e serão fechados às 12h45. O início das provas está previsto para as 13 horas.

Após a primeira fase, os aprovados passarão pelas seguintes etapas: teste de aptidão física (TAF), avaliação psicológica, investigação social, inspeção de saúde e prova de títulos. O concurso conta com reserva de vagas para afrodescendentes e pessoas com deficiência.

As cargas horárias variam de 20 horas (quatro vagas) a 40 horas por semana (26 vagas) e a remuneração vai de R$ 14.761,55 a R$ 21.087,93.

Dentre as responsabilidades de um perito criminal estão operar equipamentos, fazer exames de corpo de delito, investigar vestígios e evidências em diversos locais (como cenas de crime, laboratórios, documentos, indivíduos vivos, cadáveres, ossadas, armas de fogo, munições, explosivos, material bélico, produtos perigosos e instrumentos de crime).

Além disso, o profissional também é responsável por atividades administrativas, técnicas e operacionais essenciais para a condução do processo judicial e a preservação da cadeia de custódia das evidências.

“É um processo seletivo muito aguardado, não somente pelos candidatos, mas, também, pela Polícia Científica do Paraná, que contará com a força de trabalho desses novos peritos oficiais criminais, passando a integrar o Quadro Próprio da Perícia Oficial do Estado”, disse Gabriel de Andrade, presidente da comissão do concurso.

“A sociedade brasileira vem cada vez mais compreendendo a importância da função do perito oficial criminal à justiça e por isso muitas pessoas vêm se preparando especificamente para essa área. Acreditamos que será um concurso público de alto nível, que selecionará candidatos muito qualificados para atuarem na área pericial”, acrescentou Andrade.

Com Agência de Notícias do Estado do Paraná

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Copyright © 2017 O Presente