Copagril – Sou agro com orgulho
Poder Legislativo Educação infantil

Arion questiona berçários ainda suspensos em CMEIs de Marechal Rondon

(Foto: Divulgação)

Na sessão de ontem (18) da Câmara Municipal, o vereador rondonense Arion Nasihgil apresentou requerimento em que solicita informações da Prefeitura sobre o retorno do funcionamento dos berçários junto aos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), em Marechal Cândido Rondon.

Segundo ele, esta tem sido uma demanda de muitas famílias, que pedem o retorno do funcionamento dos berçários na rede municipal de educação, os quais ainda estão sem atendimento em razão da pandemia da Covid-19.

Copem/Pedalando Por Bíblias

Arion destacou que o momento já permite o retorno das atividades, e manifestou preocupação com o fato de muitas crianças serem ainda obrigadas a ficar em casa, enquanto os educandários já retornaram com atividades presenciais para faixas de idade maiores.

Nied 2021 N1

“Desta forma, requeremos ao Executivo Municipal que esclareça as razões pelas quais ainda não houve o retorno das atividades nos berçários dos CMEIs, apontando os motivos que levam a paralisação até o presente momento e justificando documentalmente eventual necessidade. Ainda, requeremos a apresentação de uma data, ainda que por aproximação, para o retorno dos berçários”, reforçou o vereador.

Combate Max Natal

Já em indicação, Arion também propôs ao Poder Executivo Municipal que permita o retorno gradativo de bailes, bem como de festividades dançantes, por parte dos clubes de idosos e entidades similares em Marechal Cândido Rondon.

Rui Sonho nov/dez 2

Segundo o vereador, o pedido atende ao anseio da comunidade da terceira idade, que tem manifestado continuamente o desejo e a necessidade de retorno destes tipos de eventos quando realizados seguindo os protocolos de segurança sanitária.

Ele destacou que estes eventos são importantes não apenas para o lazer dos membros de clubes e associações desta natureza, mas também para a própria manutenção financeira das entidades.

Arion citou ainda que, há poucos dias, o Decreto Municipal nº 343/2021 permitiu jantares dançantes em estabelecimentos que exploram comercialmente a locação do espaço para eventos. Na sua avaliação, o mesmo poderia ser permitido aos clubes de idosos, devendo ser considerado especialmente o caráter familiar de eventos desta natureza e a ampla vacinação no público idoso.

 

Com assessoria

Grupo Costa Oeste 2021

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO