Copagril
Poder Legislativo Programa “Viver Mais Paraná”

Claudinho sugere construção de 40 casas em condomínio para a terceira idade

(Foto: Cristiano Viteck)

O vereador presidente Claudio Kohler (Claudinho) é autor de indicação, apresentada ontem (18), para que a Prefeitura de Marechal Cândido Rondon habilite o Município no programa
“Viver Mais Paraná”, do Governo do Estado. O objetivo é a construção de até 40 unidades habitacionais em condomínio exclusivo para integrantes da terceira idade.

Os primeiros empreendimentos deste programa, coordenado pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), serão em Cascavel, Cornélio Procópio, Fazenda Rio Grande, Foz do Iguaçu, Guarapuava, Irati, Jaguariaíva, Londrina, Maringá, Palmas, Piraquara, Ponta Grossa, Prudentópolis e Telêmaco Borba.

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

Segundo Claudinho, o “Viver Mais Paraná” é uma modalidade do novo programa de habitação do Estado, chamado de Habita Paraná. Por meio dele, a Cohapar está retomando os investimentos próprios para a construção de conjuntos residenciais, sendo as pessoas idosas um dos grupos prioritários de atendimento da gestão.

Maior programa de habitação do País para a terceira idade, a iniciativa beneficia pessoas com mais de 60 anos que não tenham casa própria, sendo a cessão do imóvel feito por meio de aluguel social. “Cada condomínio contará com infraestrutura de saúde, assistência social e lazer para os futuros moradores”, detalha o presidente do Poder Legislativo.

Ele cita que o programa deverá ser ampliado no ano que vem. Futuras contratações poderão ser feitas em localidades acima de 30 mil habitantes, com obras em áreas doadas pelas prefeituras ou adquiridas pela Cohapar. Cada empreendimento contará com 40 moradias adaptadas, construídas em condomínios horizontais fechados, com completa infraestrutura de saúde, assistência social e lazer. Os projetos arquitetônicos contam com praça de convivência, biblioteca, sala de informática, academia ao ar livre, horta comunitária, salão de festas e piscina para hidroginástica.

Pelos contratos firmados com os municípios, as prefeituras serão responsáveis pela manutenção dos condomínios. Caberá às administrações municipais também a prestação de serviços periódicos básicos de saúde e assistência social nos condomínios, em espaços reservados para esta finalidade.

Conheça mais sobre o programa. Acesse: https://www.youtube.com/watch?v=NoCPysJjaqc.

Em outra indicação, Claudinho solicita que a Prefeitura remova a estrutura existente no ponto de ônibus localizado na Rua Helmuth Priesnitz, nas proximidades da chácara da APAE e do acesso ao Loteamento Recanto dos Pássaros. O objetivo é a instalação de um novo abrigo, que ofereça maior proteção aos usuários do transporte coletivo.

 

Com assessoria

TOPO