Poder Legislativo Informações

Cottica fiscaliza operações tapa-buracos e transporte escolar em Marechal Rondon

Vereador Adriano Cottica: "O objetivo é fiscalizar este serviço" (Foto: Cristiano Viteck)

 

O vereador Adriano Cottica, através de requerimento, busca informações da prefeitura rondonense sobre as operações “tapa-buracos” realizadas nas ruas da cidade durante este ano. Na resposta a ser encaminhada ao Poder Legislativo, o governo municipal deve informar quais locais receberam melhorias, bem como o número de cargas usadas nestas operações.

O objetivo, afirma o vereador, é fiscalizar este serviço.

A mesma justificativa também é dada para o requerimento com pedido de informações sobre o transporte escolar do município. Cottica pede que seja enviado à Câmara de Vereadores relatório sobre o total de alunos rondonenses que utilizam o serviço, quantos veículos trabalham diariamente no setor e em quais linhas do interior, bem como a quilometragem diária realizada pelo conjunto de veículos do transporte escolar.

Em outro requerimento, este assinado também por Arion Nasihgil e Josoé Pedralli, o vereador questiona o Executivo Municipal sobre o programa de asfaltamento de bairros da sede municipal, financiado com recursos de R$ 7 milhões do Paraná Cidade.

O pedido é motivado por requerimento anterior do vereador Arion, formulado em agosto, que havia questionado a Prefeitura se as obras teriam custos aos moradores dos locais beneficiados. Na resposta, o prefeito Marcio Rauber teria afirmado que “a pretensão para saber se haverá a cobrança de algum valor dos moradores dos locais beneficiados” teria “a aparente intenção de especulação, especialmente se se observar que o requerimento foi formulado em período de campanha eleitoral”.

Ultrapassado o período eleitoral, agora os três vereadores voltam a questionar a Prefeitura sobre eventuais cobranças dos moradores beneficiados pelo recapeamento que está sendo realizado. Na resposta a ser encaminhada ao Poder Legislativo, o Executivo Municipal deverá esclarecer se haverá a cobrança ou não e, em caso positivo, de que forma e quando será realizada e em quais quantias, ainda que por aproximação.

Cottica e Arion ainda são autores de mais um requerimento, no qual pedem informações da Prefeitura sobre os protocolos apresentados à Secretaria Municipal de Viação e Obras. O objetivo é acompanhar o atendimento dos pedidos realizados pela população rondonense, especialmente os agricultores, à tal Secretaria.

Já em indicação, Cottica sugere que a Secretaria Municipal de Assistência Social libere recursos à Associação dos Deficientes Físicos de Marechal Cândido Rondon (Adefimar) para a construção de uma cozinha e de uma churrasqueira na sede da entidade.

 

Com assessoria

TOPO