Ford/Abradif/Rodovel Ranger
Policial Tráfico de drogas

BPFron apreende 920 quilos de maconha e prende dois indivíduos em Guaíra

Fotos: Divulgação/BPFron

 

Policias militares do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) realizaram uma incursão a um porto de pesca na cidade de Guaíra, na noite de domingo (09), no âmbito da Operação Muralha.

Durante as diligências na mata próxima à margem do Rio Paraná, os policiais constataram vários volumes de entorpecente prontos para serem transportados. Em averiguação mais detalhada, encontraram vários indivíduos escondidos em meio à vegetação, que ao perceberem a iminente ação dos agentes de segurança pública empreenderam fuga pela área de banhado do porto, mas após incessante busca foi possível localizar e prender os dois envolvidos pela acusação de tráfico internacional de drogas.

Diante da ilicitude, foi requisitado apoio do Exército Brasileiro para apoio na retirada dos entorpecentes do local e da Receita Federal do Brasil na verificação e pesagem, sendo contabilizados 924 quilos de maconha divididos em 58 volumes oriundos do Paraguai.

Os envolvidos e o entorpecente foram encaminhados para a Polícia Federal e responderão pelo crime de tráfico internacional de drogas.

 

OPERAÇÃO MURALHA

A iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros.

A Operação Muralha é coordenada pela Receita Federal em parceria com a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército, Marinha, Aeronáutica, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Departamento de Estradas e Rodagem (DER), Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Polícia Militar do Paraná, Polícia Civil e Departamento de Inteligência do Estado do Paraná – DIEP), Justiça Estadual, Ministério Público Estadual e Receita Estadual do Paraná.

 

O Presente

 

 

TOPO