Copagril
Policial

Defesa Civil de Guaíra ajuda no resgate de cervo-do-pantanal

Divulgação
Após a contenção física, os animais receberam exame clínico e foram soltos

As chuvas dos últimos dias trouxeram a Guaíra visitantes inusitados. Na última semana, moradores da região ribeirinha avistaram dois cervos-do-pantanal, espécie ameaçada de extinção e acionaram os bombeiros. Uma operação foi montada por várias equipes para capturar os animais. Tratava-se de duas fêmeas adultas, com aproximadamente 140 Kg cada.

Após a contenção física realizada pelos bombeiros comunitários, os animais passaram por exame clínico veterinário e foram transportados para soltura. Segundo o médico veterinário Júlio Cesar Juvenal, estes animais vivem na várzea, vegetação típica do Parque Nacional de Ilha Grande, e em períodos de enchente perdem a percepção de solo firme e nadam em rumo ignorado, chegando muitas vezes a áreas habitadas.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES
Divulgação

“Esses animais chegam exaustos fisicamente, e se o manejo for realizado sem critérios técnicos, eles podem vir a óbito por estresse ou causar acidente na equipe envolvida”, explica. Os animais foram devolvidos à natureza, numa mata no estado de Mato Grosso do Sul. A operação contou com a participação de funcionários do Município de Guaíra, Instituto Chico Mendes de Biodiversidade e Polícia Rodoviária Federal.

TOPO