Copagril
Policial

Família morre em ultrapassagem em Assis Chateaubriand

Jameson Borges
Com a força do impacto, o Gol ficou embaixo do caminhão guindaste

Agentes da Defesa Civil e patrulheiros da Polícia Rodoviária Estadual de Assis Chateaubriand atenderam um grave acidente de trânsito ocorrido no quilômetro 69 da rodovia PR 485, trecho entre os municípios de Assis Chateaubriand e Brasilândia do Sul, nas proximidades da ponte do Rio Piquiri. O acidente aconteceu às 15 horas de ontem (22).

A colisão frontal envolveu um caminhão guindaste da empresa Silvestro Locadora de Cascavel, placas ARK-4598, de Santa Tereza do Oeste, conduzido por Edvilson Aparecido Gomes Oliveira, e um VW/Gol, placas APG-2830, de Cidade Gaúcha. O saldo foi trágico, ceifando a vida dos quatro ocupantes do Gol, pai, mãe e dois filhos.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

Os nomes das vítimas são: João Angelo Rodrigues, 53 anos; Elizia Varini Rodrigues, 48 anos; Jéssica Cristina Rodrigues, 20 anos; e Jean Felipe Rodrigues, 29 anos, que dirigia o automóvel. Segundo informações do condutor do caminhão, ele seguia na rodovia sentido Brasilândia do Sul a Assis, quando em determinado momento o Gol, que seguia no sentido contrário, tentava ultrapassar uma carreta numa curva, momento em que aconteceu a colisão.

Com a força do impacto, o Gol ficou embaixo do caminhão guindaste. Chovia muito no momento do acidente. Familiares das vítimas fatais vinham logo atrás e informaram que todos vinham de Toledo, onde haviam participado de um casamento no sábado (21). O serviço para retirada das vítimas fatais demorou duas horas e meia. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Toledo.

TOPO