Pref. Marechal CORONA 2021
Ford KA Fev 2021
Copagril – Sou agro com orgulho
Policial Na noite de ontem

PM encaminha homem acusado de violação de domicílio e estupro em Marechal Rondon

(Foto: Divulgação)

Por volta das 23h10 de ontem (22), uma equipe da Polícia Militar (PM) de Marechal Cândido Rondon se mobilizou para atender uma denúncia de violação de residência seguida por tentativa de estupro.

A solicitante relatou aos policias que um homem invadiu sua residência pulando o portão e tentou forçar uma relação sexual com ela, que reagiu e entrou em luta corporal com o agressor.

Casa do Eletricista – 99% dos problemas

De acordo com o boletim, a mulher estava dormindo no sofá quando foi acordada pelo homem. A solicitante conta que o sujeito tentou tirar sua roupa íntima e ela entrou em luta corporal com o mesmo. Segundo a vítima, o homem tocou em sua região íntima, mas não conseguiu consolidar o ato sexual frente à pronta reação defensiva.

A mulher conta que o homem a agrediu com socos, tapas e empurrões contra a parede, resultando em lesões no corpo. A porta de vidro da residência e pequenos objetos, como o televisor, foram danificados. Por fim, a solicitante conta que o agressor saiu da residência, deixando seu telefone celular no local, este sendo apreendido pela PM.

Durante a conversa entre policiais e vítima, verificou-se um vizinho observando a situação. Em olhar atento, a vítima disse poder ser ele o agressor. Após os policiais iluminarem a face do sujeito com a lanterna, a mulher alegou com convicção ser ele o autor.

Diante disso, a PM foi até o sujeito que adentrou em sua residência e tentou se esconder na garagem, embaixo de um veículo. Na abordagem, o sujeito chamou sua irmã, a proprietária da residência. Os policiais questionaram se a proprietária conhecia o aparelho celular aprendido e ela afirmou imediatamente pertencer ao seu irmão.

Considerando os fatos, os agentes de segurança deram voz de prisão ao homem. Ele resistiu e se fez preciso utilizar algemas e spray de pimenta. Vítima e suposto autor foram encaminhados para a delegacia para os procedimentos cabíveis.

 

O Presente com PM

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO