Copagril
Policial

Presos de Colombo são transferidos após denúncia de fuga

Trinta presos da Delegacia de Alto Maracanã, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, foram transferidos após uma denúncia anônima de fuga em massa, na madrugada desta quarta-feira (31). De acordo com a Polícia Civil, a denúncia foi feita para a Polícia Militar, que avisou a Delegacia em seguida.

Eles fugiriam por um buraco de 30 centímetros feito na parede de uma das celas. Os detentos foram levados para a delegacia central do município sob escolta do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope). Mesmo com a transferência, o local continua superlotado com 90 presos. A capacidade é para 24.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

Recentemente a Delegacia do Alto Maracanã foi alvo de mudanças na gestão em virtude das investigações do caso Tayná. No dia 15 de julho, 20 policiais foram afastados e substituídos temporariamente por equipes do Cope. O delegado responsável, Silvan Rodney Pereira, está preso desde o dia 19. Ele é um dos suspeitos de praticar tortura contra quatro homens apontados como autores da morte da adolescente. Todos negam as acusações. Atualmente a delegacia é comandada pelo delegado Iacri Meneghel Abarca.

TOPO