Copagril – Sou agro com orgulho
Ford KA Fev 2021
Policial Descontrole

Rondonense alega ter sido agredida pelo amásio, mas acaba presa por suspeita de ameaça

(Foto: Arquivo/OP)

Policiais militares de Marechal Cândido Rondon se deslocaram às 23h30 de sábado (20) para atender uma ocorrência na qual uma mulher alegava ter sido agredida pelo seu amásio. Ela estava aguardando a equipe da Polícia Militar (PM) em uma rua no centro da cidade, local onde residem os pais do agressor.

Os policiais contataram com a solicitante, a qual segundo relatos estava visivelmente embriagada. A mulher informou que estava com o amásio em um bar, até que um momento ambos tiveram um desentendimento e acabaram em vias de fato. A solicitante disse que seu amásio foi levado pelos pais a outro local, não sabendo informar o endereço. A mulher foi orientada pelos policiais quanto aos procedimentos, mas disse que eles deveriam prender os sogros senão iria atear fogo na casa deles. Novamente a equipe orientou e advertiu a solicitante sobre as consequências de suas ações e pediu para que ela fosse para sua casa.

Casa do Eletricista – 99% dos problemas

Por sua vez, às 23h50 compareceram na 2ª Companhia da PM dois senhores relatando que souberam do desentendimento do casal e foram até o local para verificar. Os senhores disseram que ao chegar nas proximidades do endereço, a mulher teria partido para cima da senhora pegando-a pelos cabelos e derrubando ao chão. A senhora resultou com lesões na cabeça, no pescoço e no braço direito.

Os dois solicitantes disseram que posteriormente conseguiram se desvencilhar da agressora e saíram do local. Logo após saírem da Cia da PM, os dois solicitantes encontraram a mulher na frente da residência, tendo acionado os policiais. Ao chegar no local, os PMs visualizaram a mulher gritando totalmente descontrolada.

A mulher recebeu voz de abordagem, porém não obedeceu. Foi verbalizado para que parasse, porém igualmente não acatou e partiu para cima da equipe, sendo necessário uso de espargidor e posteriormente uso de algemas para cessar a acusada de agressão. As partes foram encaminhadas para a delegacia para as devidas providências.

 

O Presente com PM

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO