Ecoville – Maior rede de limpeza
Policial

Setor de Homicídios prende dois e apreende arma do crime

Lilian Azevedo/Jornal do Oeste
homicidio toledo

Em menos de seis horas após ser registrada uma tentativa de homicídio em Toledo, os investigadores Antonio, Marcelo e Cabral, do Setor de Homicídios da 20ª SDP de Toledo detiveram as duas pessoas envolvidas no crime, esclareceram a motivação e apreenderam a arma usada com as devidas munições ainda intactas.

Enquanto Leandro Amilton Resende, de 25 anos, alvejado com dois tiros, encontrava-se na Unidade de Terapia Intensiva da Casa de Saúde Bom Jesus, em Toledo, os indivíduos José Carlos dos Santos, de 38 anos e Alan Francisco de Oliveira, de 23 anos, estão presos na 20ª SDP.

Casa do eletricista PRESSURIZADORES

“Nossos policiais tem a liberdade para trabalhar e cabe a nós apenas acompanhá-los e dar o apoio necessário para que as investigações possam fluir normalmente e é isso que a equipe do Homicídios tem feito e por isso tem se destacado no esclarecimento dos crimes praticados em nossa cidade, com tanta eficiência. A elucidação de um crime e a prisão do seu autor, tem influência direta na redução do índice de criminalidade. Mais uma vez nossos policiais estão de parabéns pela maneira como conduziram o caso.” destacou na noite de hoje, o delegado chefe da 20ª SDP, Donizete Botelho.

O crime

 

A tentativa de homicídio foi registrada por volta das 13h40 da tarde de ontem (05), onde um elemento trajando roupa preta, teria adentrado nas dependências da empresa Carrepar, localizada na Avenida Parigot de Souza, próximo ao Terminal Rodoviário e efetuou em torno de quatro disparos de arma de fogo contra Leandro Amilton Resende, de 25 anos, dos quais um tiro lhe atingiu a perna esquerda, na altura do fêmur e outro no abdômen.

 

A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada consciente, para a Casa de Saúde Bom Jesus, onde encontra-se na UTI. A Polícia Civil e Militar de Toledo passaram a realizar diligências para apurar a causa e a autoria do crime.

Leandro estaria prestando serviço de entrega para a referida empresa, que atua no ramo de auto peças. Segundo informações, o atirador chegou no estabelecimento, pediu por Leandro e no que ele se apresentou, foi alvejado. O elemento agiu de “cara limpa” e empreendeu fuga a pé, pelo menos o que foi visto por populares.

A autoria

Policiais do Setor de Homicídios passaram a diligenciar e logo chegaram até José Carlos dos Santos e seu amigo Alan Francisco de Oliveira, o qual teria dado fuga para José. Num primeiro momento, eles negaram envolvimento no crime, mas diante das declarações prestadas pela vítima, a mentira tornou-se insustentável.

José Carlos assumiu a autoria do crime e Alan a co-autoria, quando deu fuga para o amigo. “Na verdade o que ocorreu foi que o Alan está namorando a ex-namorada da vítima, o Leandro Amilton Resende, de 25 anos e pelo que eles informaram, Leandro não se conformava com tal situação e a partir de então passou a efetuar ameaças constantes para Alan e José Carlos, uma vez que eles trabalham juntos na construção civil e as provocações vinham ocorrendo há algum tempo, onde ele passavam em frente ao local de trabalho deles, passavam em frente a casa deles e teria havido uma vez que ele furou os pneus do carro do Alan. A situação foi ficando insustentável a partir do momento em que os amigos José e Alan teriam sido ameaçados de morte por Leandro e isso os levou a temer pelo pior e tomar a decisão de cometer o crime. Esta pelo menos foi a versão dos acusados.” comentou o investigador Antonio da Costa.

A arma do crime, uma pistola 09 milímetros foi apreendida com seis cápsulas intactas. A dupla fica a partir de agora, à disposição da Justiça. (Radar BO)

TOPO