Política

Durante posse, João e Tiago destacam novo perfil da Prefeitura de Quatro Pontes

Maria Cristina Kunlzer/OP
Conforme prefeito e vice-prefeito, Poder Executivo estará de portas abertas ao diálogo e não deixará para investir somente nos dois últimos de gestão

O plenário da Câmara de Vereadores de Quatro Pontes ficou lotado, no domingo (1º) de manhã, por ocasião da posse dos novos parlamentares e prefeito e vice-prefeito para o mandato 2017/2020. Como vereador eleito com a maior votação em 02 de outubro, Pedrinho Tonelli (PMDB) foi o responsável por comandar a sessão solene que empossou os novos edis. Além dele, passam a compor o Legislativo Luis Carlos Becker (PMDB), Cesar Seidel (Canela) (DEM), Leandro Anschau (Tica) (PSC), Mauro Bernardi (PPS), Paulo Brandt (PMDB), Selso Francener (PPS), Solange Ferreira (PMDB) e Vilma Karkow (PPS).

Casa do Eletricista – RETOMA

Na oportunidade houve a eleição da mesa diretiva para o biênio 2017/2018. Canela foi eleito presidente ao obter cinco votos, enquanto Bernardi recebeu quatro votos. Paulo Brandt foi eleito vice-presidente com cinco votos – Selso Francener recebeu quatro votos. Para a função de 1º secretário a maioria escolheu Pedrinho Tonelli, que obteve cinco votos – Tica contabilizou um voto e Vilma três. Por fim, para o cargo de 2º secretário o nome escolhido, com cinco votos, foi de Selso Francener.

Em seu primeiro ato, o novo presidente convocou para ser realizada ontem (02) a primeira sessão extraordinária de 2017, tendo como objetivo escolher os integrantes das comissões permanentes para o primeiro biênio. Para a Comissão de Justiça e Redação os novos integrantes são Pedrinho Tonelli (presidente), Solange Ferreira (relatora) e Selso Francener (membro); a de Finanças, Orçamento e Fiscalização passa a ser composta por Paulo Brandt (presidente), Luis Becker (relator) e Tica (membro); a de Educação, Saúde, Bem-Estar Social e Ecologia conta com Paulo Brandt (presidente), Luis Becker (relator) e Vilma Karkow (membro); enquanto a de Obras e Serviços Públicos é formada por Pedrinho Tonelli (presidente), Luis Becker (relator) e Selso Francener (membro).

Em seu discurso já no novo cargo, Canela disse que embora o sentimento de alegria contagia por ocasião da posse, também é momento de todos tomarem consciência da responsabilidade que têm ao serem escolhidos para representar os eleitores. Vivemos um momento conturbado em nosso país, em que toda classe política está desgastada e sem credibilidade. Mas eu costumo dizer que sempre é necessário separar o joio do trigo. Cabe a nós, somente a nós, reconquistarmos a confiança do povo e mostrar para a população que é possível, sim, fazer política e não politicagem, e criar políticas públicas que venham de interesse da população, melhorando a qualidade de vida de toda nossa gente, enalteceu.

O novo presidente do Legislativo também frisou ser o momento de deixar as picuinhas de lado e desfazer o palanque político. Assim, juntos, todos podem trabalhar em prol do crescimento do município, disse.

Em nome da bancada de oposição, Mauro Bernardi expôs esperar que não haja mais arestas de campanha. Não estaremos aqui para bater-boca. Faremos oposição, sim, dentro daquilo que é correto e para o bem da nossa comunidade, argumentou.

Já Paulo Brandt falou em nome da bancada de situação. Ele mencionou que, embora seja do grupo situacionista, vai cobrar o Poder Executivo para que conduza as ações de forma correta, lembrando que o papel do vereador é justamente o de fiscalizar os atos da prefeitura.

 

Posse do prefeito e vice

Concluída a posse dos vereadores, deu-se início à cerimônia de posse do novo prefeito e vice-prefeito do município, João Laufer (PMDB) e Tiago Hansel (DEM), respectivamente. Eleitos com 1.590 votos (50,52%), os dois terão a tarefa de comandar os rumos do Poder Executivo nos próximos quatro anos.

O democrata enfatizou em seu discurso que, diferente da gestão passada, a atual estará aberta ao diálogo. Vamos ter um governo com muito diálogo, reafirmou, dizendo que o Executivo não jogará a culpa no Legislativo como vinha ocorrendo.

Hansel enfatizou que as portas da prefeitura estarão sempre abertas e que as siglas partidárias passam a ser deixadas de lado. Aos novos vereadores o vice-prefeito declarou: Exerçam a função de vocês como vereadores: fiscalizar, sugerir e indicar ações ao município.

Ele ainda falou direcionado ao novo prefeito: Aposto muito em você, que possui 16 anos de experiência de vida pública. É um exemplo de administrador que veio de baixo e cresceu com conhecimento, garra e humildade. Você pode não ter palavras bonitas, mas possui atitudes muito mais bonitas que palavras. E isso conta muito mais, porque é um homem de caráter, elogiou.

Por fim, João Laufer discursou e destacou que assume o governo com o objetivo de cumprir as promessas que foram feitas na campanha. Temos um plano de governo a ser cumprido. Como todos sabem em dez dias não se resolve nada, mas temos quatro anos para dar uma qualidade de vida melhor ao quatro-pontense. O que não podemos deixar é de atender a comunidade do jeito que ela merece. Temos uma ideologia diferente da gestão passada. Não vamos fazer discurso bonito, mas o que falo é de coração. É para toda comunidade que vamos trabalhar, avaliou.

O peemedebista relembrou que no início de sua vida pública já tinha como sonho em ser prefeito. Só tenho a agradecer a comunidade, meus parceiros, ao grupo de vereadores, aos amigos. No dia 02 de outubro, quando as urnas foram abertas, vimos que a população queria uma mudança. E essa mudança veio, comentou. O que aprendemos com os ex-prefeitos vamos tentar melhorar ainda mais para aumentar o atendimento ao público. Não somos donos de Quatro Pontes, mas representantes do povo e essa comunidade ordeira, trabalhadora e batalhadora vai atrás dos seus objetivos. Estarei na prefeitura juntamente com o meu vice Tiago e a equipe que nomeamos para atender de acordo como têm que ser atendidos todos os quatro-pontenses, declarou.

 

Equipe de governo

Ainda em dezembro João Laufer anunciou os nomes da equipe de governo. O vice-prefeito Tiago Hansel é o secretário de Administração e Planejamento; Araceli Tauchert assume a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; o vereador reeleito Luis Carlos Becker passa a ocupar a Secretaria de Obras, Urbanismo e Transportes; o ex-prefeito Silvestre Kuhn comandará a Secretaria de Finanças; a primeira-dama Odete Laufer se dedicará à Secretaria de Desenvolvimento Social; Pedro Becker passa a ficar responsável pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico; e o ex-vereador Marco Wickert (Max) é o novo secretário de Saúde.

Com a nomeação de Luis Becker para o Poder Executivo abre-se uma vaga na Câmara de Vereadores, a qual será ocupada pelo suplente Gustavo Borchert (PMDB).

TOPO