Ecoville – Maior rede de limpeza
Ford Show Rural
Política Audiência de custódia

Juiz decreta prisão preventiva de empresário que atropelou idosa em Rondon

(Foto: Divulgação)

Foi realizada no fim da tarde de ontem (06), no Fórum de Marechal Cândido Rondon, audiência de custódia do caso envolvendo o empresário que atropelou uma mulher de 80 anos, a qual acabou falecendo em função do forte impacto.

Nessa audiência, o juiz somente verifica se os policiais militares e civis conduziram os trabalhos dentro da legalidade.

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

O delegado Rodrigo Baptista Santos encaminhou o Auto de Prisão em Flagrante pelo crime de homicídio doloso para o juiz da comarca, Clairton Mario Spinassi, que recebeu e entendeu que o flagrante está dentro da conformidade da lei.

Diante disso, o juiz abriu prazo para o Ministério Público se manifestar sobre a prisão, o qual entendeu em sua manifestação em pedir a prisão preventiva do empresário.

Nessa audiência de custódia, o juiz não verifica mérito – se ele é culpado ou inocente.

O juiz rondonense entendeu por bem decretar a prisão preventiva do motociclista: a prisão está sem tempo determinado.

Agora, a defesa do empresário vai entrar com pedido de revogação da prisão preventiva e posteriormente vai requerer o habeas corpus.

O empresário de 38 anos era o condutor da motocicleta esportiva que, na tarde da ultima quarta-feira (05) na Avenida Írio Jacob Welp, atropelou uma senhora de 80 anos.

Ele segue preso na Delegacia de Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon.

Em cumprimento à Lei de Abuso de Autoridade, o nome do motociclista não foi divulgado pela polícia.

 

Com Rádio Difusora

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO