Ecoville – Maior rede de limpeza
Política VAZOU

‘O primeiro a ser preso é o Rodrigo Maia’, diz deputado do DEM sobre PEC da 2ª instância

(Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)

Um áudio de uma conversa do grupo de WhatsApp de parlamentares do Democratas vazado hoje pelo site “O Antagonista” mostra o deputado federal Carlos Henrique Gaguim (DEM/TO) afirmando que se for aprovada a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que regulamenta a prisão após condenação judicial em segunda instância, “o primeiro” a ser preso seria o presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM/RJ). Na conversa, Gaguim contesta o colega de bancada, deputado Arthur Maia (DEM/BA), defensor da PEC.

“Eles estão falando que o primeiro que vai (preso) em segunda instância é o nosso presidente Rodrigo. E aí? E os nossos líderes? E nós? Gente que não deve nada sendo aí acusado sem prova, sem nada”, diz o parlamentar do DEM.

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

Na conversa, Gaguim diz a PEC “não passa nem aqui, nem na China”, e questiona a adesão do partido à bandeira defendida por parlamentares do PSL – partido do presidente Jair Bolsonaro – e defensores da operação Lava Jato. “Nós vamos pegar uma coisa que não é nossa para que, meu irmão?”, diz o deputado.

Após a divulgação da conversa, o deputado afirmou em nota que “a sua fala está totalmente fora de contexto”. Segundo ele, “se tratava de um diálogo em grupo parlamentar onde são debatidos vários temas de forma despretensiosa”. Na nota, “o deputado reforça que não fez nenhum juízo de valor, lamenta que suas colocações foram retiradas da coerência e que o áudio foi cortado, já que não consta toda a conversa” e “reafirma sua plena confiança na liderança e na lisura do deputado Rodrigo Maia na condução das matérias que tramitam na Casa.”

Com Bem Paraná

TOPO