Copagril
Variedades

Ambientes climatizados mantêm características das bebidas

Divulgação

Na cultura brasileira, o apreço por uma boa bebida se tornou uma preferência muito comum, principalmente em jantares, comemorações e ocasiões festivas. O consumo de cervejas, vinhos e outros drinks já faz parte do ritual de celebração. Contudo, alguns cuidados precisam ser tomados para garantir que as características essenciais das bebidas sejam mantidas.

Casa do Eletricista SORTEIO DE VERÃO

Por esse motivo, muita pessoas optam por montar a própria adega em casa, embora a falta de espaço e outros fatores tornem essa opção pouco viável para alguns. Nesse sentido, vale a pena contar com uma armazenagem em self storage, afinal, esses espaços apresentam as condições ideias para a conservação das bebidas.

O sistema self storage pode ser uma solução

Embora muitos tenham encontrado nas adegas caseiras a solução ideal para armazenar bebidas, essa alternativa não é viável para todos. A falta de espaço é um dos fatores que mais contribuem para esse quadro.

Entretanto, existe uma alternativa para você que mora em apartamento ou em uma residência pequena e deseja armazenar suas bebidas da melhor maneira possível. Famoso nos Estados Unidos e também em muitos países da Europa, o sistema self storage permite que empresas e pessoas físicas guardem os mais diversos pertences fora de casa e com baixíssimos custos.

A guarda de documentos, móveis e outros objetos é comum nesse tipo de sistema. Atualmente, também é possível encontrar boxes próprios para armazenar todo tipo de produto, incluindo, obviamente, as bebidas. Nesses casos, as empresas disponibilizam sistemas para manter a temperatura e a umidade ideais, entre outros itens para deixar tudo organizado e bem conservado.

Por esse motivo, o sistema self storage pode ser utilizado por pessoas físicas e jurídicas que desejam manter vinhos, cervejas e demais bebidas alcoólicas armazenadas de forma correta com segurança e organização, sem ocupar espaço nas residências, lojas ou empresas.

Dicas importantes

Existem algumas regras básicas quando o assunto é a armazenagem de bebidas alcoólicas. Fatores como temperatura e umidade do local e até mesmo o período de estocagem podem ser decisivos. Confira:

     Cervejas não devem ser mantidas em temperaturas muito baixas se o consumo não for feito a curto prazo, pois o fermento em suspensão não trabalha corretamente no frio. O ideal é manter a bebida em uma temperatura de 13 a 15ºC.

     Quando se trata dos vinhos, a temperatura indicada é 12ºC. A adega nunca deve atingir temperaturas superiores a 24ºC, para evitar que o vinho comece a oxidar e, consequentemente, estrague.

     Quando o nível de umidade é muito baixo, as rolhas acabam secando e permitindo a entrada de oxigênio na garrafa, o que é um péssimo sinal. Por isso, controlar a umidade é importante tanto para conservar vinhos como cervejas e demais bebidas.

     Garrafas de vinho devem ser guardadas deitadas, mantendo as rolhas em contato com a bebida e inibindo a entrada de oxigênio.

     Garrafas de cerveja devem ser guardadas em pé, a não ser que elas sejam armazenadas por mais de um ano com rolha, como é o caso dos vinhos.

     Evite movimentar as garrafas com frequência, pois batidas, vibrações e movimentos bruscos podem abalar e deteriorar as bebidas.

     Não são todos os vinhos que ficarão melhores com o tempo. Quando houver data de validade, deve ser respeitada.

TOPO