Ford Show Rural
Ecoville – Maior rede de limpeza
Variedades

César descobre fraude e expulsa Félix da mansão

Félix (Mateus Solano) está muito perto de ser punido em “Amor à Vida”. Nos próximos capítulos, o administrador será desmascarado após a auditoria comandada por Eron (Marcello Antony) e será demitido oficialmente do Hospital San Magno. Depois, César (Antonio Fagundes) ficará furioso e expulsará o filho de casa. As informações são do blog de Patrícia Kogut

Tudo começa quando Eron anuncia que a auditoria sobre os contratos firmados pelo administrador do San Magno foi concluída. César convoca uma reunião com os advogados, diretores do hospital, auditores e Félix. Na sala de reunião, o companheiro de Niko (Thiago Fragoso) diz que os contratos estão superfaturados. 

Casa do Eletricista folha LORENZETTI

Inicialmente, Félix tenta se defender, alegando que a auditoria é fraudulenta. Depois, o vilão acaba admitindo que pediu um “PF” (por fora) para fechar os acordos. César fica furioso com as declarações do filho. Félix, por sua vez, ameaça revelar os “podres” do pai, mas é humilhado publicamente e começa a chorar. 

O presidente do San Magno anuncia em alto e bom som. “Saia daqui imediatamente! Você está demitido, agora oficialmente. Está proibido de entrar nesse hospital. Doutor Eron, corte o Félix da folha de pagamentos”, ordena. Félix volta para casa e conta tudo para Pilar (Susana Vieira), que fica revoltada com a atitude do marido. Mais tarde, quando César chega à mansão, pai e filho começam a brigar. 

“Querem saber a verdade? Eu tenho vergonha de você, Félix. Vergonha dos seus trejeitos. Vergonha de te ouvir me chamando de papi soberano. Eu pensava que, com a Edith (Bárbara Paz) voltando para casa, pelo menos você ia tentar disfarçar um pouco. Mas não. Agora que saiu do armário de vez, tem coragem de assumir, na frente de qualquer um, que você, filho de César Khoury, é gay. Por isso eu tenho mais uma notícia para você, Félix”, diz César. 

“Quero que você vá embora dessa casa. Eu e você não podemos mais viver sob o mesmo teto! Tem que ir embora daqui, Félix!”, conclui César, deixando o administrador sem emprego e sem casa para morar.

TOPO